Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

domingo, 31 de maio de 2015

PARA PENSAR: Sergipanos não valorizam a arte



Na cidade de Nossa Senhora da Glória, no sertão sergipano, há quem pense que ele é macumbeiro; uns acham que é milionário; outros, que não bate bem. "É aquele que faz uns bonecos?", quer saber um jogador de dominó na calçada da avenida principal da cidade. Diante da resposta afirmativa, informa: "Acho que ele está no estrangeiro. Mas vá até lá e fale com a mulher dele".

Cícero Alves dos Santos, mais conhecido como Véio, de fato esteve no estrangeiro. Quando recebeu a reportagem de Serafina, o artista havia acabado de voltar de Veneza, onde inaugurou uma exposição individual patrocinada pela grife italiana Marni. Até novembro, paralelamente à Bienal da cidade, 109 esculturas em madeira feitas por ele ocupam uma antiga abadia do século 12 em Punta Della Dogana, à beira do Grande Canal.

Em 2012, ele já havia exposto na Fundação Cartier, em Paris. Mas o reconhecimento internacional não faz Véio querer deixar Sergipe. Pelo contrário. Gosta do leite tirado na hora, da comida com farinha e do rancho onde vive, na beira de uma estrada.

"Se vierem me dizer para morar lá [na Europa], não vou. Não quero nenhum daqueles palácios. Eles vivem cercados de água. E eu sou do sertão", diz o senhor de 67 anos, rodeado pela mulher, Maria, e pelos cachorros em sua casa simples.

"Mas, por aqui, ninguém quer saber de arte. Se cada obra minha tivesse título de eleitor, tinha político aqui fazendo fila", diz. "Na Itália, as pessoas queriam saber de tudo, mas foi difícil falar do trabalho usando intérprete. A comunicação é truncada."

Leia matéria completa

sábado, 30 de maio de 2015

ESCÂNDALO: Empresários e políticos são chefões e articuladores da fome em Sergipe







Exclusivo: No Conexão Repórter dessa semana, o documentário “Os Senhores da fome”. Roberto Cabrini comanda uma investigação de 4 meses com um dos documentos mais importantes dos últimos tempos.

Em um trabalho meticuloso, o Conexão Repórter se infiltrou em uma rede de empresários que se uniu a políticos para fraudar licitações de merenda escolar em uma das regiões mais pobres do país, o interior do Estado de Sergipe.
Bastidores de reuniões criminosas foram registrados com câmeras escondidas e cada um dos acusados confrontados .

São chefões e articuladores de um esquema de corrupção que afeta centenas de escolas e que se perpetuou em meio ao sofrimento de uma população indefesa.
O resultado é a fome de mais de 200 mil crianças que mal tem o que comer e dependem diretamente do alimento que deveria ser servido nas escolas.

Gravações secretas do Conexão Repórter revelam como os empresários produzem licitações com cartas marcadas, superfaturam o preço da merenda e condenam crianças carentes a falta de uma nutrição indispensável, definindo quem vai ganhar e quem vai perder com pagamentos de propina que incluem governantes.

A reportagem mostra o desespero de pais e professores, a instalação do medo, a manipulação que fabrica um sistema perverso.
Os “Senhores da Fome” neste domingo no Conexão Repórter logo após o programa Silvio Santos no SBT.


quarta-feira, 27 de maio de 2015

Romário comemora prisão de Marin e acusa Del Nero

Marcos Oliveira/Agência SenadoSenador comentou o caso durante audiência na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE)Marcos Oliveira/Agência Senado
Durante audiência na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), nesta quarta-feira (27), o senador Romário (PSB-RJ) parabenizou a atuação da polícia suíça ao deter executivos da Fifa pela acusação de corrupção. O ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da organização da Copa do Mundo de 2014, José Maria Marin, está entre os investigados.
"Corruptos e ladrões que fazem mal ao futebol foram presos, inclusive José Maria Marin. Ladrão tem que ir para cadeia. Parabéns ao FBI. Infelizmente não foi a gente quem prendeu", declarou o ex-jogador, que também chamou o atual presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, de "ladrão, safado e ordinário". "As contas dele fora do país estão recheadas", acusou.
O Ministério do Esporte ainda não se pronunciou sobre o caso, mas deve emitir nota ainda nesta quarta-feira (27).

Coordenador do SAMU é demitido depois de falar que hospital que atendeu Luciano Huck e Angélica não atendeu 6 pacientes

Depois das declarações do coordenador do SAMU na Capital, Eduardo Cury, houve repercussão nacional, segundo o Coordenador o hospital que atendeu Luciano Huck e Angélica negou atendimento a 6 pessoas na manhã de domingo. 

A repercussão foi bombástica para o hospital, em nota responsável pela Santa Casa, lamenta as declarações do coordenador do SAMU, e diz que “Cabe ao regulador municipal, enquanto autoridade sanitária, decidir pela melhor assistência ao paciente. Se estes se encontram na UPA porque o regulador decidiu que diante das circunstâncias, esta unidade é o local disponível mais indicado”, explica.

Depois das declarações o Coordenador do SAMU foi demitido, por falar a verdade, é bom lembrar que Huck e Angélica foram atendidos pelo SUS, isso quer dizer que o hospital não vai receber do Luciano Huck e nem da Angélica e sim do governo pelo atendimento, mas se vai receber do Governo, Qual o motivo do hospital constantemente se negar a atender cidadãos de bem que não são celebridades?

Escândalo da Fifa: Entenda o caso ponto a ponto

Destacao Fifa -5 (Foto: globoesporte.com)Escândalo Fifa: dirigentes são presos na Suíça acusados de corrupção (Foto: globoesporte.com)


O que aconteceu?
Sete dirigentes da Fifa, entre eles o ex-presidente da CBF José Maria Marín, foram presos em Zurique pela polícia suíça a pedido da justiça americana por causa de uma série de acusações de corrupção. Ao mesmo tempo, a justiça suíça está questionando dez dirigentes da entidade sobre suspeitas na escolha das sedes das Copas de 2018 e de 2022.
Quem foi preso?
* Jeffrey Webb -  presidente da Concacaf 
* Eduardo Li, costa-riquenho, membro do Comitê Executivo da Fifa
* Eugenio Figueiredo, uruguaio, vice-presidente do Comitê Executivo da Fifa
* Julio Rocha, nicaraguense, funcionário da Fifa
* Rafael Esquivel, presidente da Federação Venezuelana de Futebol
* José Maria Marin, ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol, atual vice-presidente da entidade e ex-presidente do Comitê Organizador da Copa de 2014
* Costa Takkas, assessor do presidente da Concacaf Jeffrey Webb
Quais são as acusações da justiça americana?
O Departamento de Justiça americano acusa duas gerações de dirigentes de futebol de embolsarem mais de US$ 150 milhões (quase R$ 470 milhões) em subornos e comissões desde 1991. Os termos usados pelo DOJ (Departament of Justice) foram fortes: corrupção desenfreada, sistemática e generalizada na Fifa e em diversos contratos da Concacaf e da Conmebol.
O que pode acontecer com os acusados?
Será instaurado um processo de extradição da Suíça para os EUA. Caso sejam extraditados, eles enfrentarão o processo judicial e podem pegar até 20 anos de cadeia. 
A CBF é investigada?
O DOJ cita expressamente que o contrato da CBF com uma grande marca esportiva americana está sob investigação (provavelmente a Nike - que passou a fornecer material para a entidade em 1997) e que contratos referentes à Copa do Brasil também. A Traffic, empresa de José Hawilla, é ré confessa no processo e teve participação como intermediária em diversos contratos da CBF no passado.

FAVOR OU CONTRA OS TRABALHADORES: Veja como votaram os senadores sergipanos



Seguro-desemprego
Pelo texto aprovado, o trabalhador terá direito ao seguro-desemprego se tiver trabalhado por pelo menos 12 meses nos últimos dois anos. O prazo inicial proposto pelo governo era de 18 meses. Antes, o trabalhador precisava de apenas seis meses.
Para poder pedir o benefício pela segunda vez, o projeto estipula que o trabalhador tenha nove meses de atividade. Antes, esse prazo exigido era de seis meses de trabalho, e o governo queria ampliar para 12 meses. A proposta mantém a regra prevista na MP (seis meses) se o trabalhador requisitar o benefício pela terceira vez.

Abono salarial
Em relação ao abono salarial, o texto prevê que o trabalhador que recebe até dois salários mínimos deverá ter trabalhado por três meses para ter direito ao benefício.
O abono salarial equivale a um salário mínimo vigente e é pago anualmente aos trabalhadores que recebem remuneração mensal de até dois salários mínimos. Atualmente o dinheiro é pago a quem tenha exercido atividade remunerada por, no mínimo, 30 dias consecutivos ou não, no ano.
O texto aprovado mantém o pagamento do abono ao empregado que comprovar vínculo formal de no mínimo 90 dias no ano anterior ao do pagamento. A nova regra seguirá a mesma linha de pagamento do 13º salario. Por exemplo, quem trabalhou um mês ou cinco meses receberá respectivamente 1/12 e 5/12 do abono.

Seguro-defeso
Para o seguro-defeso, pago ao pescador durante o período em que a pesca é proibida, foi mantida a regra vigente antes da edição da medida provisória – o pescador necessita ter ao menos um ano de registro na categoria. A intenção do governo era aumentar essa exigência para três anos.
Veja como votaram os senadores sergipanos ("sim"a favor do governo e "não"a favor do trabalhador):

A
Acir Gurgacz (PDT-RO) - Sim
Aécio Neves (PSDB-MG) - Não
Aloysio Nunes (PSDB-SP) - Não
Ângela Portela (PT-RR) - Sim
Antõnio Carlos Valadares (PSB-SE) - Não
Ataídes Oliveira (PSDB-TO) - Não
B
Benedito de Lira (PP-AL) - Sim
Blairo Maggi (PR-MT) - Sim
C
Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) - Não
Ciro Nogueira (PP-PI) - Sim
Cristovam Buarque (PDT-DF) - Não
D
Dalírio Beber (PSDB-SC) - Não
Dário Berger (PMDB-SC) - Sim
Davi Alcolumbre (DEM-AP) - Não
Delcídio do Amaral (PT-MS) - Sim
Donizeti Nogueira (PT-TO) - Sim
Douglas Cintra (PTB-PE) - Sim
E
Edison Lobão (PMDB-MA) - Sim
Eduardo Amorim (PSC-SE) - Não
Elmano Férrer (PTB-PI) - Não
Eunício Oliveira (PMDB-CE) - Sim
F
Fátima Bezerra (PT-RN) - Sim
Fernando Coelho (PSB-PE) - Sim
Fernando Collor (PTB-AL) - Não
Flexa Ribeiro (PSDB-PA) - Não
G
Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN) - Sim
Gleisi Hoffmann (PT-RS) - Sim
H
Hélio José (PSD-DF) - Sim
Humberto Costa (PT-PE) - Sim
I
Ivo Cassol (PP-RO) - Sim
J
Jader Barbalho (PMDB-PA) - Sim
João Alberto Souza (PMDB-MA) - Sim
João Capiberibe (PSB-AP) - Não
Jorge Viana (PT-AC) - Sim
José Agripino (DEM-RN) - Não
José Medeiros (PPS-MT) - Não
José Pimentel (PT-CE) - Sim
José Serra (PSDB-SP) - Não
L
Lídice da Mata (PSB-BA) - Não
Lindbergh Farias (PT-RJ) - Não
Lúcia Vânia (PSDB-GO) - Sim
M
Magno Malta (PR-ES) - Não
Marcelo Crivella (PRB-RJ) - Não
Marta Suplicy (Sem partido-SP) - Não
O
Omar Aziz (PSD-AM) - Sim
Otto Alencar (PSD-BA) - Sim
P
Paulo Bauer (PSDB-SC) - Não
Paulo Paim (PT-RS) - Não
Paulo Rocha (PT-PA) - Sim
R
Raimundo Lira (PMDB-PB) - Sim
Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) - Não
Regina Sousa (PT-PI) - Sim
Reguffe (PDT-DF) - Não
Ricardo Ferraço (PMDB-ES) - Não
Roberto Requião (PMDB-PR) - Não
Roberto Rocha (PSB-MA) - Sim
Romário (PSB-RJ) - Não
Romero Jucá (PMDB-RR) - Sim
Ronaldo Caiado (DEM-GO) - Não
Rose de Freitas (PMDB-ES) - Sim
S
Sandra Braga (PMDB-AM) - Sim
Sérgio Petecão (PSD-AC) - Não
Simone Tebet (PMDB-MS) - Sim
T
Tasso Jereissati (PSDB-CE) - Não
Telmário Mota (PDT-RR) - Sim
V
Valdir Raupp (PMDB-RO) - Sim
Vanessa Grazziotin (PCdoB - AM) - Sim
Vicentinho Alves (PR-TO) - Sim
W
Waldemir Moka (PMDB-MS) - Sim
Walter Pinheiro (PT-BA) - Não
Wellington Fagundes (PR-MT) - Sim

Leia mais aqui

UFC: Vitor Belfort ganhou R$ 940.000 para lutar com Weidman


Chris WeidmanO campeão americano levou R$ 783.000 de bolsa e R$ 783.000 pela vitória.
O brasileiro Vitor Belfort suportou pouco menos de três minutos no octógono e foi nocauteado pelo americano Chris Weidman, na disputa do cinturão dos médios no UFC 187, em Las Vegas, na madrugada do último domingo. Apesar da tristeza pela derrota e pelo pedido de desculpas aos torcedores, Belfort levou para casa uma das maiores bolsas da noite, um cheque de 300.000 dólares (cerca de 940.000 reais). Se vencesse a luta, levaria um bônus de 200.000 dólares (mais de 626.000 reais). Na última luta do ex-campeão Anderson Silva contra o americano Nick Diaz, no fim de janeiro, o brasileiro tinha bolsa de 600.000 dólares (quase 1,9 milhão de reais) e o americano, 200.000 dólares. Estes valores não incluem ganhos com vendas de pay-per-view nem com bonificações de patrocinadores.

Vitor Belfort

Corrupção na FIFA: Departamento de Justiça americano confirma detenção de Marin na Suíça

Por Nova York, EUA

Departamento Justiça dos EUA (Foto: Reprodução)Departamento Justiça dos EUA (Foto: Reprodução)
O Departamento de Justiça dos EUA divulgou há pouco uma nota oficial sobre as acusações que motivaram as detenções de dirigentes da FIFA em Zurique nesta quinta-feira. O documento é intitulado "Nove dirigentes da FIFA e cinco executivos indiciados por extorsão e corrupção" e diz que as acusações foram formalizadas na manhã desta quinta-feira em um tribunal federal no Brooklyn em Nova York e que sete réus foram presos no estrangeiro. Os americanos informaram que o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, é um dos sete dirigentes detidos. 
A confissão de culpa de quatro pessoas e dois "réus corporativos" foi sacramentada - e com isso 14 pessoas foram indiciadas por extorsão, fraude eletrônica, conspiração para lavar dinheiro entre outros crimes. Segundo a acusação, a investigação aborda um esquema que já dura 24 anos para enriquecer no futebol com subornos que chegariam a US$ 150 milhões (quase R$ 400 milhões). 
As acusações foram anunciadas pela Advogada-geral americana Loretta Lynch, pelo diretor do FBI, James Comey e pelo investigador-chefe do Imposto de Renda americano, Richard Weber. A nota confirmou a prisão de sete réus acusados a pedido dos Estados Unidos: Jeffrey Webb (presidente da Concacaf), José Maria Marin, Eugenio Figueiredo, Rafael Esquivel, Eduardo Li, Julio Rocha e Costa Takkas.  Além disso, um mandado de busca foi executado numa sede da CONCACAF (Confederação das Américas do Norte e Central) em Miami.
- O indiciamento alega corrupção desenfreada, sistêmica e enraizada no exterior e aqui nos EUA durante mais de duas gerações de dirigentes de futebol que abusaram de suas posições para adquirir milhões de dólares em propinas. Isso tem prejudicado profundamente uma multidão de vítimas. O Departamento de Justiça tem a intenção de acabar com tais práticas corrupta e trazer malfeitores à justiça - disse a advogada-geral americana.  
Segundo a nota, o americano Charles "Chuck" Blazer, ex-secretário-geral da CONCACAF e o brasileiro José Hawilla, dono da Traffic, empresa de marketing esportivo que teve longo relacionamento com a CBF no passado, assinaram confissões de culpa com a justiça americana. 

Polícia faz operação surpresa e prende dirigentes da Fifa por corrupção

Por Zurique, Suíça

A polícia da Suíça prendeu, na madrugada desta quarta-feira em um hotel de Zurique pelo menos seis dirigentes da Fifa sob a acusação de corrupção. De acordo com o "The New York Times", a ação dos suíços foi movida por um pedido de autoridades americanas. Os suspeitos poderão ser extraditados para os Estados Unidos. O Departamento Federal de Justiça suíço informou que está questionando 10 dirigentes sobre a votação para escolha das sedes das Copas de 2018 e 2022. Uma nota oficial da Advocacia-geral do país informou que procedimentos criminais foram abertos sobre o caso. O departamento de justiça americano confirmou que o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, foi um dos detidos.
Delegados de quase todas federações de futebol estão em Zurique para o congresso da FIFA marcado para esta sexta-feira - no qual Joseph Blatter tentaria buscar  seu quinto mandato como presidente da entidade. O único detido identificado até o momento foi Jeffrey Webb, presidente da CONCACAF (Confederação das Américas Central e do Norte). O porta-voz da FIFA, Walter de Gregorio, disse que Blatter não está entre os acusados. 
- Ele não está envolvido de modo algum - disse.
Segundo o jornal, as acusações baseadas numa investigação do FBI que começou em 2011 apontam corrupção generalizada na FIFA nas últimas duas décadas - envolvendo a disputa pelo direito de sediar as Copas da Rússia (2018) e Catar (2022) - além de contratos de marketing e televisionamento. O rival de Blatter na eleição, o príncipe saudita Ali Bin Al Hussein, comentou para a emissora inglesa BBC:
- Hoje é um dia triste para o futebol. É uma história em andamento - cujos detalhes ainda estão aparecendo. 
Fontes da justiça americana dizem, segundo o jornal, que 14 pessoas ligadas à FIFA serão indiciadas por crimes como fraude, lavagem de dinheiro e extorsão.  Eles seriam o citado Webb (Ilhas Cayman), vice-presidente da comissão executiva e presidente da Concacaf; Eugenio Figueredo (Uruguai), que também integra o comitê da vice-presidência executiva e até recentemente era presidente da Conmebol; Jack Warner (Trinidad e Tobago), ex-vice-presidente da Fifa e ex-presidente da Concacaf, acusado anteriormente de inúmeras violações éticas; Julio Rocha (Nicarágua), presidente da Federação Nicaraguense; Costas Takkas; Rafael Esquivel; Nicolás Leoz, ex-presidente da Conmebol; e o brasileiro José Maria Marin, ex-presidente da CBF.
Hotel Baur au Lac Suíça Fifa (Foto: Reuters)Os policiais efetuaram as prisões no belo e tradicional hotel de Zurique (Foto: Reuters)


Outro já identificado é Eduardo Li, presidente da Federação da Costa Rica. Após ser apreendido, o dirigente foi conduzido por policiais juntamente com sua bagagem e imediatamente deixou o hotel por uma porta lateral. Além dos dirigentes, cinco executivos de marketing também serão indiciados. 
A Justiça Suíça divulgou nota oficial informando que seis acusados foram presos e aguardarão processo de extradição para os EUA. Segundo a nota, as autoridades americanas acusam os suspeitos de receberem milhões de dólares em subornos. As escolhas de Rússia e Catar como sedes para as duas próximas Copas (2018 e 2022) podem ser o tema central das investigações.
Jack Warner presidente da Concacaf (Foto: Getty Images)Jack Warner presidente da Concacaf (Foto: Getty Images)
Joseph Blatter não está entre os acusados, porém seu nome figura na lista de investigados pela polícia. Segundo informações da TV americana "CNN", o FBI já vinha atuando sobre o caso há cerca de três anos.
A operação surpresa foi realizada por policiais à paisana, que se dirigiram ao balcão de registros do Hotel Baur au Lac e, já de posse das chaves, subiram aos quartos dos suspeitos, efetuando as prisões. Todos os acusados responderão, entre outras, por fraude eletrônica, extorsão e lavagem de dinheiro.
O escândalo das detenções em Zurique pode comprometer a tentativa de reeleição de Blatter à presidência da Fifa. O objetivo do dirigente era deixar encaminhado, na sexta-feira, o acerto para o seu quinto mandato à frente da entidade maior do futebol mundial.

Ainda na manhã desta quarta-feira, a Fifa informou que irá realizar uma conferência de imprensa às 11h (6h no horário de Brasília) em sua sede de Zurique.

POR OUTROS ÂNGULOS: SITUAÇÃO DA PONTE QUE LIGA TOBIAS BARRETO AO POVOADO LAGOA REDONDA











terça-feira, 26 de maio de 2015

Sargento é preso por avisar traficante de operações por SMS


Sargento é preso por avisar traficante de operações por SMS















Um sargento da Polícia Militar foi preso na segunda (25), suspeito de avisar, através de mensagem de texto, traficantes de uma comunidade de Cabo Frio sobre operações policiais na região.

De acordo com o jornal Extra, a informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da corporação. Robson Zamezi de Luna foi encaminhado para a 126ª DP (Cabo Frio).

 Os agentes descobriram a comunicação após a prisão de Josimar Freire Ferreira, conhecido como Tutu e apontado como o segundo homem na hierarquia do tráfico em Rainha da Sucata.

O suspeito recebeu uma mensagem de texto de um número que foi reconhecido como sendo do sargento. Tutu, então, relatou aos PMs que costumava pagar um policial em troca de informações sobre operações. 

Para confirmar as suspeitas, os agentes responderam a mensagem como se fossem Tutu. Ao chegar ao local, Robson foi preso. No celular dele foram encontradas várias conversas do sargento com Tutu, muitas com informações sobre operações policiais e encontros.

 Em uma delas, estava escrito: “Aí, primo, coronel na pista com a P-2 (Serviço Reservado da Polícia Militar). Fica ligado”.

Aprovada MP que restringe acesso a benefícios trabalhistas


Aprovada MP que restringe acesso a benefícios trabalhistas



Sem conseguir convencer dissidentes petistas, o governo conseguiu aprovar nesta terça-feira, 26, no Senado, por 39 a 32, o texto-base da Medida Provisória 665, que restringe o acesso a benefícios trabalhistas como o seguro-desemprego, o abono salarial e o seguro-defeso. Com isso, o texto, que integra o pacote de ajuste fiscal da presidente Dilma Rousseff, segue para sanção.

A apertada margem mostra que nem as concessões feita pelo governo ao longo do dia foram suficientes para convencer integrantes da base e os senadores petistas que desde a semana passada rejeitavam o teor da MP. Isso porque o líder do governo no Senado, Delcídio Amaral (PT-MS), após reunião com com o vice-presidente e articulador político do governo, Michel Temer, anunciou que a presidente Dilma Rousseff havia aceitado vetar parcialmente uma das modificações nas regras do pagamento do abono salarial que constam na MP.

Pelo acordo costurado com a base, o Executivo desistia de aumentar a carência exigida atualmente para o pagamento do benefício de um para três meses. No entanto, o governo manteve-se inflexível na defesa de que o repasse deve ser proporcional ao tempo trabalhado, outra alteração que consta no texto da proposta.

O gesto levou os três senadores do PT a manterem sua rejeição à MP. O grupo, encabeçado por Lindbergh Farias (PT-RJ), que na semana passada chegou a pedir a demissão do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, informou que não se sentia contemplado por um veto que não mexa no pagamento proporcional, item do qual o governo não abre mão. O PMDB vinha exigindo que o PT desse apoio integral ao texto e assumisse o ônus de votar a MP.

Hoje, antes mesmo da conclusão da votação, outro senador petista, Paulo Paim (RS), já afirmava que iria ao Supremo Tribunal Federal questionar a constitucionalidade da medida, caso ela fosse aprovada. Lindberg Farias disse que o grupo que tem defendido mudanças na forma de atuação do governo já "ganhou" ao desinterditar o debate sobre o rumo da política econômica. 

Segundo ele, daqui para frente esse grupo vai colocar "com mais clareza" as discordâncias quanto ao rumo dessa política do governo. "Eu acho que a gente fortalece aqueles setores da linha desenvolvimentista", afirmou.

A ex-petista Marta Suplicy aproveitou a votação para criticar o governo e antigo partido. Para ela, a presidente precisava ter "humildade" para reconhecer os erros. Marta também acusou o PT para traiu sua "essência" e "criação" ao propor as medidas provisórias do ajuste fiscal.

A oposição também não poupou críticas ao governo. Segundo o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que foi derrotado nas eleições presidenciais do ano passado, o ajuste fiscal proposto pelo governo não é o que seria aplicado caso o PSDB tivesse vencido a eleição. "Este não seria o ajuste do PSDB, que passaria pela racionalização da máquina pública", disse.

Sindicalistas também protestaram. A sessão teve de ser suspensa por cerca de dez minutos por conta da manifestação de representantes da Força Sindical que acompanhavam a votação da galeria do plenário do Senado. Em determinado momento, eles começaram a gritar palavras de ordem, como "Fora PT" e "Dilma, safada, ladrona de aposentados".

Ofensiva
A própria presidente Dilma Rousseff havia ligado para o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), na segunda-feira, 25, antes de embarcar para o México, para saber do procedimento das MPs. O peemedebista está em atrito com Planalto desde que o seu nome começou a integrar a lista de supostos envolvidos no esquema da Operação Lava Jato, que investiga o escândalo de corrupção da Petrobras.

Hoje, o vice-presidente Michel Temer escalou o ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, para telefonar para os senadores rebeldes e tentar convencê-los a votar com o governo. Após se reunir com lideranças do governo, Temer afirmou que haveria votos suficientes para aprovar a MP.

Prazo
Além dessa medida, o governo precisa aprovar até 1º de junho duas outras MPs do ajuste, a 664 (que torna mais rígido o pagamento da pensão por morte e do auxílio-doença) e a 668 (que aumenta impostos de importação). Na prática, todas as medidas têm de ser votadas até essa quarta-feira, 27, porque na quinta-feira, 28, já não costuma haver número suficiente de senadores na Casa para sessões deliberativas.

Hoje, Temer negou que o governo tenha estudado deixar a 664 perder a validade para que Dilma não tivesse o ônus político de vetar a emenda que alterou as regras do fator previdenciário. Lideranças do PMDB até cogitaram pedir uma inversão de pauta, mas recuaram com medo de que o desgaste por não aprovar o fator recaísse sobre a legenda. Com informações do Estadão Conteúdo.


Bebê nasce com 12 dedos, nas mãos e nos pés, e assusta médicos

O pequeno Jacob Duffy surpreendeu os pais e os médicos ao nascer com um dedo extra em cada uma das mãos e dos pés, no Reino Unido. A diferença não tinha aparecido nos ultrassons anteriores ao parto do menino, em novembro de 2015. Os polegares de Jacob são trifalângicos, o que significa que eles têm uma articulação extra, segundo o portal 'DailyMail'. 
Bebê nasce com com 12 dedos, nas mãos e nos pés, e assusta médicos
(Foto: Reprodução/DailyMail)
De acordo com os médicos, os dedos não podem ser removidos até que ele tenha 12 meses de idade, por conta dos riscos da anestesia. "Nós ficamos chocados quando ele nasceu e vimos seu dedo mínimo. A princípio, apenas pensei que ele havia quebrado ele”, disse Rachael Hendry, mãe da criança, de 24 anos.
“Minha gravidez foi completamente normal, em seu nascimento percebemos que havia algo errado em seus dedos. Eu não me importo com os dedos extras e realmente não queria que os cirurgiões precisassem tirá-los, mas as crianças são bastante cruéis e eu ficaria com medo de mandá-lo para a escola assim", desabafou.
Além disso, Jacob tem um buraco no coração e problemas sérios de visão. Ele também tem intolerância a lactose e dificuldade em engolir, precisando de uma alimentação específica. Os médicos ainda não descobriram um diagnóstico para o bebê.

IBAHIA

Sargento da PM é preso por avisar traficantes sobre operações

Sargento da PM é preso por avisar traficantes sobre operações no Rio de Janeiro
Foto: Reprodução / Extra
Um sargento da Polícia Militar do Rio de Janeiro foi preso na noite desta segunda-feira (12) por avisar traficantes sobre ações policiais. 

Segundo o site Extra, Robson Zamezi entrava em contato com criminosos de uma comunidade de Cabo Frio através de mensagens SMS. A polícia chegou ao sargento depois da prisão um suspeito de praticar tráfico de drogas. 

Enquanto o homem estava detido, ele recebeu uma mensagem no celular de um número que os policiais reconheceram como sendo de Zamezi. 

O suspeito então admitiu que costumava pagar PM's em troca de informações sobre operações. Os policiais responderam a mensagem fingindo ser o suspeito e chegaram ao sargento.

 Ainda de acordo com o Extra, ele teve a pistola e o celular apreendidos e foi encaminhado para a delegacia de Cabo Frio.

BAHIA NOTÍCIAS


Perda de mandato: Câmara Cível nega recurso de Valmir Monteiro



Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Sergipe, por unanimidade, negou provimento ao recurso do deputado estadual Valmir Monteiro (PSC).

Valmir foi condenado por improbidade administrativa em ação do Ministério Público relativa ao seu mandato como prefeito do município de Lagarto.

Para o Tribunal de Justiça de Sergipe, a Assembleia Legislativa terá, assim que for notificada, que afastar o parlamentar.


Chuvas em Sergipe até o dia 29



De acordo com a avaliação do Centro de Meteorologia de Sergipe, vinculado à Semarh, nos últimos quatro dias, choveu o previsto para todo o mês de Maio deste ano na Grande Aracaju sendo o volume pluviométrico de maior concentração no sábado, 23.

O tempo se mantém com condições acentuadas de chuva no Sul e Centro Sul do estado com chuvas podendo chegar até 55 milímetros por segundo. As chuvas seguem até a sexta, 29.

Para o meteorologista Overland Amaral “A relação entre o normal e observado tem ultrapassado às expectativas na maioria das regiões, sendo este último maior que o primeiro. Somente o sertão se mantém abaixo da média prevista”, concluiu.



VÍDEO: Jackson e João, cadê meus impostos?



Pergunta de morador, na manhã deste domingo, 24, no conjunto Sol Nascente, em Aracaju, próximo ao Detran.
Assista:

Após reunião, Flamengo demite Vanderlei Luxemburgo

Vanderlei Luxemburgo não é mais treinador do Flamengo. A quarta passagem dele pela Gávea teve duração de dez meses e seu grande feito foi tirar o Rubro-Negro da "confusão", termo cunhado pelo próprio para se referir à zona de rebaixamento do Brasileiro em 2014. A informação foi confirmada oficialmente pelo clube através de seu site, em nota publicada às 21h50. Confira:
"Vanderlei Luxemburgo não é mais treinador do Flamengo. Ele deixa o cargo após dez meses à frente da equipe de futebol. A diretoria agradece ao técnico pelos serviços prestados e deseja sucesso na continuidade de sua carreira".
Vanderlei Luxemburgo  (Foto: Agência Estado)Vanderlei Luxemburgo teve sua quarta passagem pelo clube encerrada nesta segunda (Foto: Agência Estado)

Procurado pela reportagem do GloboEsporte.com, Vanderlei Luxemburgo não escondeu a decepção, mas preferiu não se pronunciar antes da coletiva que concederá nesta terça, às 11h. Mas o treinador diz que não se furtará de falar sobre os problemas do Flamengo na atual temporada e por que a engrenagem não funcionou
Vanderlei Luxemburgo já havia treinado o Flamengo em 1991, 1995 e entre 2010 e 2012. No total, são 245 jogos como técnico rubro-negro, 127 vitórias, 67 empates e 51 derrotas. Conquistou o Carioca em 2011.
O ex-atacante Deivid, auxiliar de Luxemburgo, e Antônio Mello, preparador físico e fiel escudeiro do treinador, também devem sair.
Nesta última passagem pelo Flamengo, foram 59 jogos. Estreou no clássico contra o Botafogo, no Brasileiro passado, e venceu por 1 a 0. Foram 34 vitórias, 14 derrotas e 11 empates.
O ano começou positivamente, com triunfo no torneio amistoso disputado em Manaus, contra Vasco e São Paulo. No Carioca, porém, o Flamengo perdeu a Taça Guanabara em jogo que precisava de uma vitória simples contra o lanterna Nova Iguaçu, que acabou rebaixado após um desempate com o Boavista. Na semifinal, foi eliminado pelo Vasco sem marcar um gol sequer.
No Brasileiro 2015, foram duas derrotas, para São Paulo e Avaí - ambas na condição de visitante -, e um empate, diante do Sport, em casa.
Antes de o Flamengo cair no Carioca, Vanderlei Luxemburgo foi procurado por Carlos Miguel Aidar, presidente do São Paulo. O treinador agradeceu ao Tricolor, mas recusou sob a alegação de que tinha um projeto em andamento no Flamengo.
A multa rescisória do treinador, cujo contrato com o Rubro-Negro tinha validade até dezembro, gira em torno de R$ 400 mil.

Jacaré se diz pronto para Weidman: "Meu retrospecto é imbatível"


Dono de cinco vitórias seguidas no UFC, Ronaldo Jacaré é um dos principais nomes cotados para encarar Chris Weidman pelo cinturão dos pesos-médios do Ultimate. O brasileiro disse não acreditar que terá de passar por Luke Rockhold antes de disputar o título, elogiou o atual campeão e disse que tem um "retrospecto imbatível" para a ser próximo desafiante ao título.
Ronaldo Jacaré UFC MMA (Foto: Getty Images)Ronaldo Jacaré quer o cinturão de Weidman (Foto: Getty Images)
- Estou muito confiante. Independentemente de ser o primeiro ou segundo, o que vale é o retrospecto que você tem dentro do UFC. O meu é imbatível. O cara que podem colocar, mas que acredito que não vão, é o Luke Rockhold. Foi nocauteado dentro do UFC e isso pesa muito. Eu estava lá para lutar contra quem me colocassem na frente e estou preparado para o cinturão (...) Casa bem, é uma boa luta para mim (contra Weidman). É um campeão de verdade. Um cara duríssimo da categoria - disse.
Weidman superou o brasileiro Vitor Belfort neste sábado, pelo UFC 187, ao derrubá-lo e nocauteá-lo no chão ainda no primeiro round. Jacaré garantiu que, caso o confronto diante o campeão vá para o chão, se considera favorito, já que é sua especialidade.
- Sem sombra de dúvida sou eu. Pode ter até um momento que ele se dê bem, mas se ficar comigo no chão, mais cedo ou mais tarde, vai se dar mal. O cara que vier trocar chão comigo durante muito tempo pode ter certeza que vai se dar mal.
Em entrevista após o UFC 187, o presidente do UFC deu pistas de que ou Jacaré ou Rockhold será o desafiante de Weidman.
Por Rio de Janeiro



NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA