Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

domingo, 20 de dezembro de 2015

Após ser campeão na Índia, Elano é detido, acusado de agressão, diz site

Por Goa, Índia


Elano Chennaiyin Índia (Foto: Reprodução / Twitter)Elano foi campeão com o Chennaiyin na Índia e depois teve que se explicar à polícia (Foto: Reprodução / Twitter)
O meia Elano conquistou o título da Superliga Indiana neste domingo, mas o dia não terminou em festa para o brasileiro. Pelo contrário. Segundo veículos da imprensa local, entre eles o site "Goal.com", o brasileiro foi detido, acusado de agressão após a final da competição, vencida pelo Chennaiyin, de Materazzi.
A acusação partiu do dirigente Dattaraj 
Salgoankar, co-proprietário do Goa, time treinado por Zico e derrotado na decisão deste domingo, e o brasileiro foi citado em três artigos: causar danos voluntariamente, represália injustificada e insulto com a intenção de provocar a ruptura da paz. 
- Salgoankar apresentou formalmente uma queixa e nós o detemos - disse o inspetor da polícia local CL Patil, à imprensa indiana.
O jornal "Indian Times" noticiou que o problema aconteceu durante a comemoração do Chennaiyin ainda no gramado.Com base em relatos de dirigentes do Goa, disse que o brasileiro (que teria se envolvido em situações inusitadas na delegacia, como tirar selfies com policiais locais) se direcionou até os adversários para provocá-los.
De acordo com o "Goal.com", Elano foi levado para uma delegacia no sul de Goa em um veículo particular duas horas após a partida. O advogado do Chennaiyin, Rajeev Gomes, disse que, após o brasileiro prestar depoimento, o juiz estabeleceu fiança, mas nas palavras dele a polícia o deteve ilegalmente, pedindo o seu passaporte.
- A corte ordenou libertá-lo às 1h30 da manhã (horário local - 18h30 de Brasília) e na última hora eles ficaram discutindo se iram libertá-lo ou não. Não há nenhuma condição para que ele tenha que dar seu passaporte e por isso não demos para a polícia. Houve um atraso desnecessário deles. Em crimes afiançáveis, é dever da polícia liberar, mas, por alguma pressão, eles não estavam liberando - disse o advogado, em entrevista ao "Goal.com.
Elano Chennaiyin Índia (Foto: Reprodução / Twitter)Elano fica detido em delegacia de Goa, no sul da Índia (Foto: Reprodução / Twitter)

O advogado do time visitante lamentou ainda a postura do Goa, que além de Zico conta com o zagueiro Lúcio, campeão mundial com a Seleção em 2002, Leonardo Moura, ex-Flamengo, e Rafael Coelho, ex-Vasco.
- Este incidente trouxe uma imagem e reputação ruins para o Goa. Este incidente não deveria ter acontecido e este não é o caminho pelo qual a frustração deve ser levada. Isto é um ato de frustração. Derrotas devem ser tomadas com espírito esportivo. Eu também sou torcedor do Goa, mas este não é o caminho. Você não pode fazer reclamações frágeis e prender as pessoas. Ele não é um criminoso para ser detido dessa maneira.

Numa final com duas viradas e três gols nos últimos cinco minutos, o Chennaiyin venceu o Goa por 3 a 2 e garantiu o título da Superliga Indiana, neste domingo. O rápido atacante colombiano Mendoza foi o herói da conquista, fazendo o gol decisivo aos 46 minutos do segundo tempo, logo depois de o goleiro Kattimani marcar contra, aos 45, e empatar partida que parecia ganha quando Jofre fez 2 a 1, aos 42. No duelo dos técnicos, o italiano Materazzi, campeão mundial pela Azzurra em 2006, levou a melhor sobre o brasileiro Zico.

Nenhum comentário:

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA