Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Exclusivo: Governo paga R$ 90 mil em fogos



Coincidentemente, no final da campanha eleitoral deste ano, a Casa Civil do governo de Sergipe fez publicar no Diário Oficial do Estado que pagou R$ 90 mil (imagem abaixo)  para a aquisição de fogos de artifício.
Veja o extrato:

NE NOTÍCIAS

PREFEITA ELEITA CARLEUSA MARINHEIRO DENUNCIA SUPOSTO DESMONTE ADMINISTRATIVO



A prefeita eleita de Juazeirinho, Carleusa Marinheiro (PTB), chamou a atenção das autoridades locais para intensificarem as fiscalizações e combaterem o caos administrativo vivido pelo município desde o último dia 7 de outubro, quando o atual prefeito foi derrotado nas urnas. De acordo com Carleusa, a cidade de Juazeirinho passa por um verdadeiro processo de desmonte administrativo, a começar pelo atraso no pagamento da folha de pessoal.
Drª Carleusa disse também que a população está assustada e sem entender porque a cidade está passando por esse momento de desmantelamento. Ela disse que muitos servidores da prefeitura já foram afastados e os serviços na cidade estão sendo paralisados. "Os postos de saúde estão completamente abandonados e a população não tem a quem recorrer, porque faltam remédios e médicos para o atendimento", disse.
Drª Carleusa disse está preocupada com toda essa situação e conclama o Ministério Público a estar vigilante quanto aos atos do prefeito Bevilacqua Matias. Ela disse que segundo se comenta na cidade é que o prefeito Bevilacqua não realizará a transição administrativa, conforme recomendam os órgãos reguladores, a exemplo do Tribunal de Contas do Estado. “Em muitos municípios, os prefeitos já estão montando a comissão de transição para que os futuros gestores tenham conhecimento da realidade administrativo das prefeituras, mas lamentavelmente em Juazeirinho transição é uma palavra que não consta no dicionário do prefeito Bevilacqua Matias”, disparou Drª Carleusa. Segundo ela, o prefeito não se conforma com a derrota nas urnas e estaria tentando inviabilizar a sua futura administração. “O nosso município passa por uma situação muito difícil, principalmente por causa da seca. Além disso, a prefeitura vem dando as costas para a população, paralisando muitos serviços essenciais, como o atendimento nos postos de saúde”, afirmou.
A prefeita eleita disse que a população de Juazeirinho não pode ficar refém dos desmandos do prefeito e nem ser penalizada pelo insucesso dele nas urnas. “O povo deu um recado bastante claro ao prefeito Bevilacqua que não estava satisfeito com o modelo implantado por ele e seu grupo na cidade, optando pela renovação para que a cidade possa se reencontrar com o desenvolvimento”, comentou.
Carleusa Marinheiro disse que vai pedir uma auditoria nas contas da prefeitura assim que tomar posse no cargo para que a população saiba de fato o que está sendo feito com o dinheiro público do município.
PolíticaPB

IDOSA DE 74 ANOS É PRESA COM 55 PEDRAS DE CRACK NA VAGINA



Investigadores da 9ª Delegacia Territorial (DT-Boca do Rio) prenderam em flagrante, na última segunda- feira, Berenice Alves Fernandes, 74 anos, com 55 pedras de crack escondidas na vagina. A droga foi encontrada durante revista feita por uma policial feminina na idosa, que estava acompanhada da neta, a traficante Glaucia Fernandes Bispo, 33 anos, conhecida como "Curtinha"…
Acionados por moradores, incomodados com o barulho de uma festa em frente à residência da idosa, na localidade de Cajueiro, na Boca do Rio, policiais da 9ª DT, coordenados pelo investigador Carlos Alberto, foram ao local e constataram que os participantes estavam consumindo drogas. Ao perceber a presença dos policiais, a neta da idosa tentou se esconder, atraindo a atenção dos investigadores que a seguiram até o interior da casa, onde se encontrava também a avó.
Acusadas de integrar uma das quadrilhas que participou da "chacina da Boca do Rio", em outubro do ano passado, avó e neta estavam sendo monitoradas desde então pela 9ª DT. Muito nervosas e negando qualquer tipo de informação, as duas mulheres foram revistadas pela policial civil Gildete Ramos, que, além da droga, encontrou a quantia de R$ 132 com Gláucia, provenientes da venda de drogas, que estava sendo feita no local da festa.
Aos policiais, a idosa negou que a droga fosse sua e alegou que as pedras estavam em sua vagina, acondicionadas em um saco plástico, por culpa da neta, que, buscando impedir o flagrante, escondeu o pacote por dentro de sua calcinha, enquanto dormia. Gláucia Curtinha já vinha sendo investigada por ser uma das responsáveis pelo tráfico de drogas no Cajuzinho, outra localidade da Boca do Rio.
Custodiadas na carceragem da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Derca), Berenice e Glaucia foram autuadas por tráfico de drogas e associação para o tráfico. O material apreendido foi encaminhado para pericia.
Terra

Restaurante instala espelho para homens ‘espiarem’ banheiro feminino



Enquanto mulheres veem seu próprio reflexo, homens podem ‘espionar’ o outro banheiro (Foto: Reprodução/Geekologie)

Intitulado como um “restaurante experimental de sushi”, o “Dots” chamou a atenção da mídia em Viena, na Áustria, ao instalar um espelho especial entre os banheiros masculino e feminino. Contudo, enquanto as mulheres enxergam normalmente seu próprio reflexo, os homens tem uma visão completa do outro cômodo.
De acordo com o site “Geekologie”, os homens conseguem ver todo o banheiro feminino, com exceção, claro, das cabines utilizadas pelas clientes. De acordo com o artista Alexander Riegler, durante uma entrevista à “Rádio Viena”, a intenção do projeto é “explorar o conceito de voyeurismo nos tempos modernos”.
O porta-voz do restaurante disse que 95% dos clientes acham que o estabelecimento é engraçado. A partir de janeiro do ano que vem, o estabelecimento pretende inverter o espelho, para que as mulheres possam bisbilhotar o que os homens fazem enquanto vão ao banheiro.
G1

Nudistas protestam em San Francisco contra lei que quer restringir nudez



Nudistas protestaram na terça-feira (30) em San Francisco. (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

Nudistas protestaram na terça-feira (30) em San Francisco, no estado da Califórnia (EUA), contra uma proposta do supervisor Scott Wiener que quer restringir a nudez pública na cidade.

Grupo é contra lei que quer restringir a nudez pública na cidade. (Foto: Robert Galbraith/Reuters)
Grupo é contra lei que quer restringir a nudez pública na cidade. (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

Mulher fez topless durante o protesto. (Foto: Robert Galbraith/Reuters)
Mulher fez topless durante o protesto. (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

G1

Ação prende grupo criminoso chefiado por detento, diz polícia



Integrantes de uma quadrilha suspeita de tráfico de drogas e homicídios foram detidos nesta quarta-feira (31) no município de Mari, zona da Mata paraibana, durante uma operação da Polícia Civil. De acordo com a polícia, o grupo é responsável por 36 homicídios cometidos entre 2011 e 2012. O delegado Reinaldo Nóbrega explicou que o chefe da quadrilha está detido, mas continua comandando o grupo de dentro de um presídio na capital.
O G1 tentou entrar em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria de Administração Penitenciária, mas as ligações não foram atendidas.
O delegado Hugo Barreto, o regional da 10ª Delegacia de Polícia Civil, explicou que após quatro meses de investigação foi desencadeada nesta quarta-feira a Operação Halloween, que conta com 44 policiais, e tem como objetivo cumprir dez mandados de prisão e de busca e apreensão. Até as 6h30, onze pessoas haviam sido presas, sendo oito homens e três mulheres. Dois adolescentes também foram detidos.
O chefe da quadrilha é, segundo o delegado Reinaldo Nóbrega, um detento do Complexo Penitenciário Romeu Gonçalves de Abrantes, o PB 1 em João Pessoa. De acordo com o delegado, o homem foi preso no dia 29 de setembro, mas continua comandando o grupo de dentro do presídio com o uso de celular.
José Hildebrando Targino da Silva, de 35 anos, mais conhecido como Bizoga, é apontado pela polícia como mandante de vários crimes na região da Zona da Mata. Pelo menos 36 homicídios foram atribuídos ao suspeito e, segundo a Polícia Civil, os crimes encomendados eram motivados por dívidas quanto ao pagamento das drogas e para evitar concorrência na comercialização. O comando do suspeito era exercido por telefone, de acordo com as investigações.
A polícia informou que chegou até ele depois de prender um de seus compassas no dia sete de setembro. Ele seria um dos pistoleiros oficiais do Bizoga e teria matado 13 pessoas a mando do chefe, segundo a polícia. O grupo teria participado do esquartejamento de dois irmãos em no dia 29 de julho em Mari. O delegado Hugo Barreto disse que há quatro meses está investigando o grupo e que alguns dos integrantes foram detidos durante outras operações.
Drogas e armas foram apreendidas com os suspeitos. Eles foram encaminhados para Delegacia em Itabaiana e em seguida serão levados para presídios em João Pessoa. Eles vão responder por crimes como tráfico de entorpecentes e homicídios.
Do G1 PB

Polícia Federal incinera 410 kg de drogas



Pelo menos 410 kg de crack, cocaína e maconha foram incinerados nesta terça-feira (30) pela Polícia Federal em João Pessoa. As drogas são o resultado de operações e apreensões feitas pela PF em 2012, de acordo com a assessoria. (Foto: Divulgação/Polícia Federal)
Drogas são o resultado de operações e apreensões feitas em 2012, diz PF.
Incineração aconteceu no bairro Ilha do Bispo, em João Pessoa.
A Polícia Federal incinerou nesta terça-feira (30) 410 kg de crack, cocaína e maconha. As drogas são o resultado de operações e prisões feitas pela PF em 2012, de acordo com a assessoria. (Foto: Divulgação/Polícia Federal)
A incineração aconteceu no bairro Ilha do Bispo, em João Pessoa. Para a segurança do evento foram escalados 40 polciais, ainda de acordo com a assessoria da instituição.
(Divulgação/Polícia Federal)
Do G1 PB

Tempo de prisão de Valério é maior que o do casal Nardoni e de Suzane Richthofen



Agência Brasil
Valério foi condenado a 40 anos de prisão

Apesar de responder por crimes que não são considerados hediondos (com maior poder ofensivo e que causam maior aversão à coletividade), como corrupção ativa, passiva, peculato, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, o tempo de prisão provisório estipulado para o publicitário Marcos Valério, durante o julgamento do mensalão , já é maior que a de réus condenados por assassinatos que chocaram a opinião pública brasileira como as imputadas contra o casal Nardoni, Suzane von Richthofen e Francisco Costa Rocha, o Chico Picadinho.
Até o momento, Valério foi condenado a 40 anos, um mês e seis dias de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Mas o Supremo pretende aumentar o tempo de prisão contra o publicitário condenado por ser o operador do mensalão, visto que as penas bases foram estabelecidas próximas do mínimo, o que pode comprometer a análise de dosimetria dos outros 24 réus condenados pelo Supremo.
Alexandre Nardoni, condenado por ter matado a filha de 5 anos, Isabella Nardoni, por exemplo, foi condenado a 31 anos, um mês e dez dias de prisão homicídio triplamente qualificado no crime cometido em março de 2008. Anna Carolina Jatobá, madrasta da criança, também foi condenada por participação no crime a 26 anos e 8 meses. Alexandre ainda foi condenado a mais oito meses por fraude processual. O júri entendeu na época que Alexandre Nardoni e Carolina Jatobá asfixiaram e jogaram Isabela do sexo andar onde o casal morava. Em comparação com a pena de Marcos Valério, a do casal Nardoni é dez anos menor.
68rju10yuon0l5j22wreeg6z2.jpg
AE
Casal Nardoni, condenado pela morte de Isabela, cumprem uma pena de prisão menor que a do operador do mensalão
A pena do publicitário também já é superior à imposta contra Suzane von Richthofen, condenada em 2006 a 39 anos e seis meses de prisão pelo assassinato dos pais, a pauladas, em outubro de 2002. O júri entendeu que Suzane orquestrou a morte dos próprios pais, Manfred e Marísia von Richthofen, com a ajuda de Daniel Cravinhos de Paula e Silva, então namorado da jovem, e de Cristian Cravinhos de Paula e Silva. Daniel foi condenado a 39 anos e seis meses de prisão, e Cristian, a 38 anos e seis meses.
Já Chico Picadinho foi condenado a 30 anos de prisão pelo homicídio e esquartejamento de duas mulheres. Uma em 1966 e outra nos anos de 1970. Ele esquartejava as vítimas com objetos simples como tesouras, facas e lâminas de barbear.
A alta pena contra Marcos Valério pode ser explicada porque, dos 25 réus condenados no julgamento do mensalão, ele é aquele com maior número de imputações. Valério foi condenado por três atos de corrupção ativa, dois de peculato, um de lavagem de dinheiro, outro de evasão de divisas e outro de formação de quadrilha. Em setembro, o réu encaminhou um pedido de proteção ao Supremo pois acredita que corre risco de morte. Quando ele foi preso em 2011, em Minas Gerais, acusado de falsificação de documentos, chegou a ser agredido por colegas de cela.
062l87sqiznd91stkf55sh5xu.jpg
AE
Suzane, em foto de 2006, foi a 39 anos de prisão por matar os pais em 2002
O professor da de Direito da Fundação Getúlio Vargas, Pedro Abramovay, ex-secretário de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, afirma que as penas impostas contra Marcos Valério suscitam uma grande dúvida: “O STF está revertendo uma tendência ou está aplicando casuisticamente penas mais altas em função da repercussão do caso?”. “Há pouquíssimas pessoas presas por corrupção no Brasil. Ou seja, não é comum que se apliquem penas tão altas”, afirma o professor.
“Acho que há uma outra comparação que é o furto. A pena de furto é mais baixa do que a pena de corrupção, mas se há poucas centenas de pessoas presas por corrupção, há cerca de 70.000 presas por furto. Isso significa que ainda há uma cultura de prisão mesmo por crime não violentos, mas essa cultura é muito mais forte em crimes cometidos pelos mais pobres, como o furto”, complementa.
Já o advogado criminalista Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que defendeu o publicitário Duda Mendonça, absolvido no julgamento do mensalão , afirmou que existe uma distorção entre as penas que o Supremo Tribunal Federal vem imputado nesse momento e o que de fato pode ser aplicado pela lei de execuções penais. Segundo ele, essas penas altíssimas poderiam ser convertidas em ações mais efetivas, como uma “ação pecuniária forte”, por exemplo. “As penas altíssimas não servem a ninguém e passam a falsa sensação de que o Supremo está mudando o país. Nada justifica uma pena como essa”, criticou o advogado. “Hoje, o que passa a sensação de impunidade são os homicídios não esclarecidos. Hoje, cerca de 90% dos assassinatos não são esclarecidos. Isso é que deveria ser mudado”, complementou.
iG Brasília

Brasil tem um policial assassinado a cada 32 horas



Um policial é assassinado a cada 32 horas no país, revela levantamento feito pela Folha nas secretarias estaduais de Segurança Pública.
De acordo com esses dados oficiais, ao menos 229 policiais civis e militares foram mortos neste ano no Brasil, sendo que a maioria deles, 183 (79%), estava de folga.
O número pode ser ainda maior, uma vez que Rio de Janeiro e Distrito Federal não discriminam as causas das mortes de policiais fora do horário de expediente. O Maranhão não enviou dados.
São Paulo acumula quase a metade das ocorrências, com 98 policiais mortos, sendo 88 PMs. E só 5 deles estavam trabalhando. O Estado concentra 31% do efetivo de policiais civis e militares do país, mas responde por 43% das mortes desses profissionais em 2012.
Pará e Bahia aparecem empatados em segundo, cada um com 16 policiais mortos.
Para Camila Dias, do Núcleo de Estudos da Violência da USP, o número é elevado. "Apenas para comparação, no ano de 2010 foram assassinados 56 policiais nos EUA."
Segundo ela, a função desempenhada pelos policiais está relacionada ao alto número de mortes, mas em São Paulo há uma ação orquestrada de grupos criminosos, que leva ao confronto direto com a Polícia Militar.
Os PMs foram as principais vítimas, no Brasil e em São Paulo: 201, ante 28 civis.
12304890.gif
VULNERÁVEL
Para a pesquisadora da USP, a maioria dos policiais é morta durante a folga porque está mais vulnerável e a identificação dos atiradores é difícil.
Guaracy Mingardi, ex-subsecretário nacional de Segurança Pública, diz que os dados revelam uma "caça" a policiais.
Segundo ele, trata-se de um fenômeno recente, concentrado principalmente em São Paulo numa "guerra não declarada" entre PMs e chefes da facção criminosa PCC.
Cabe à polícia, diz Mingardi, identificar os mandantes e a motivação dos crimes para evitar uma matança após a morte de um policial.
Muitos dos policiais morrem em atividades paralelas à da corporação, no chamado bico. "A minha responsabilidade é com o policial em serviço", diz o o secretário de Defesa Social (responsável pela segurança pública) de Pernambuco, Wilsom Sales Damásio, onde morreram 14 policiais neste ano.
Em vários Estados, os policiais reclamam de falta de assistência. "Já houve o caso de um policial ameaçado que foi viver na própria associação até achar uma nova casa", afirma Flavio de Oliveira, presidente da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar do Espírito Santo.
folhaonline

Jovem é assassinado após tiroteio em campo de futebol no Sertão



Créditos: Folha do Sertão

Um jovem foi assassinado na noite desta terça-feira (30) após um tiroteio em um campo de futebol no município de Sousa (427 quilômetros da Capital), localizado no Sertão do Estado.
Pedro Faustino de Sousa, 25, conhecido como “Negro Preto” foi assassinado por dois homens em uma motocicleta Bros de cor preta. Ele estava jogando bola em um campo de futebol quando os acusados chegaram atirando. Durante o tiroteio Marcos Antônio Rodrigues Pereira, 24, também saiu ferido com um tiro de raspão no peito e assustado fugiu.
Pedro Faustino morreu no local com vários tiros pelas costas. Já a vítima que conseguiu escapar do tiroteio está prestando esclarecimentos na delegacia de Sousa ao delegado Luis Pereira.
Já os acusados após praticarem o crime fugiram na motocicleta.
Jornal Correio

Incêndio atinge a Zona Rural da cidade de Monteiro



No início desta manhã (31), os moradores da Zona Rural da cidade de Monteiro se surpreenderam com um fato ocorrido.
Por volta das 06:00 horas da manhã foi registrado um incêndio entre as comunidades Tamanduá e Baixa da Silva , na propriedade de Douglas da Salina.
O fogo logo começou a se alastrar e tomar conta de tudo e a população tenta contê-lo. O Corpo de Bombeiros já foi acionado e é esperado no local.
A polícia já se faz presente para apurar as causas do incêndio, há indícios que o mesmo tenha sido provocado acidentalmente.
De Olho no Cariri

Força de supertempestade tira caixão de cova em cemitério americano



Caixão saiu parcialmente de sua cova no cemitério de Crisfield, em Maryland, devido a alagamento causado pela supertempestade (Foto: Alex Brandon/AP)

Uma imagem em meio às várias cenas de destruição causadas pela passagem da supertempestade Sandy nos EUA tem chamado a atenção. No cemitério de Crisfield, em Maryland, um caixão saiu parcialmente de sua cova devido à força da água e dos ventos. Centenas de pessoas ficaram desabrigadas na cidade devido às enchentes.
A Costa Leste dos EUA tenta retomar sua rotina nesta quarta-feira (31), após a violenta passagem da supertempestade Sandy, que provocou destruição, inundações, blecautes e pelo menos 43 mortes.
Fonte: G1

Candidato derrotado toma prédio cedido a igreja na campanha



Fiéis da igreja evangélica Batista de Cristo do município de Cabedelo, localizado na região metropolitana de João Pessoa, tomaram um susto na noite dessa terça (30) quando chegaram para assistir ao culto. O prédio onde se reuniam estava arrombado e um novo cadeado impedia o acesso dos fiés, provocando confusão na frente da igreja.
O arrombamento da fechadura e a colocação de cadeados foram feitos pelo candidato a vereador derrotado nas úlitmas eleições, o comerciante Tarcísio Ribeiro da Silva (PP), conhecido como Ciso, proprietário do imóvel. De acordo com o secretário da Igreja Batista de Cristo, conhecido como Ivan, o prédio foi cedido para a realização dos cultos na última campanha eleitoral pelo então candidato, em forma de promessa de campanha.
O pastor revoltado foi denunciar o caso à 12ª Delegacia Distrital porque no prédio ficaram presos os equipamentos de som usados durante os cultos. “Ele não nos procurou para negociarmos porque queríamos um prazo para conseguir uma nova sede e retirar nossos equipamentos”, reclamou.
O religioso contou que o candidato teria procurado o pastor Jorge da Igreja e oferecido o local, dizendo que tinha visto a dificuldade que estavam tendo em reunir-se. Os cultos estavam acontecendo na casa de fiéis ou na do próprio pastor.
“Ele nos ofereceu o prédio durante a campanha e agora como não foi eleito resolveu tomar e da pior maneira, arrombando a porta, colocando novos cadeados e sumindo com as chaves. Ele nos enganou”, denunciou. O funcionário da igreja disse, ainda, o pastor denunciará o caso ao Tribunal Regional Eleitoral porque considera de crime eleitoral.
O candidato teve 307 votos e não conseguiu elerger-se e defendeu-se dizendo que não havia feito promessa eleitoral, mas que tinha oferecido o prédio porque foi procurado pelo pastor que teria lhe pedido ajuda. “Eu disse que ele podia ficar lá até que resolvesse a situação e fui trabalhar na minha campanha”, defendeu-se.
O candidato derrotado disse, ainda, que só pediu o prédio porque soube que o pastor estava fazendo um abaixo-assinado para tomar o imóvel. “Eu disse pastor deixe meu prédio e ele disse que ia procurar um advogado e ir para a Justiça”.
O comerciante negou que tenha cedido o prédio durante a campanha com intenções eleitoreis, mas que o fez com o ‘coração’. “Não tem nada a ver com política, mas depois que passou a campanha o procurei para conversar sobre um preço para aluguel e ele estava sempre se esquivando”, alegou.
Portal Correio

Bandidos assaltam agência dos Correios, fazem policial refém e fogem na viatura da polícia



Assalto a ECT

Bandidos assaltaram na manhã desta quarta-feira (31) a agência dos Correios do município de Monte das Gameleiras que fica a 130 quilômetros de Natal, na divisa entre os estados da Paraíba e Rio Grande do Norte e fugiram na viatura da polícia levando um policial refém e as armas dele.
De acordo com informações da Polícia, a viatura foi abandonada junto com o refém pelo grupo que teria depois roubado mais quatro motos para continuar fugindo.
Várias viaturas do 8º Batalhão de Polícia do Rio Grande do Norte estão em diligência para tentar localizar e prender os assaltantes. As suspeitas são de que os bandidos estejam escondidos na Rua da Paraíba, no município de São José de Campestre, no Rio Grande do Norte.
Portal Correio

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Urgente: Colégio em Ribeira do Amparo pode cair a qualquer momento.

Escola vira local de perigo


“Local de educação está se transformando a cada dia que passa em um lugar de terror”.
Colégio de Educação Infantil que está em pleno funcionamento na fazenda Cabo Verde pertencente ao município de Ribeira do Amparo, está estruturalmente em péssimo estado.           
Com mais de vinte anos funcionando “normalmente”, o colégio São Francisco de Assis, que hoje funciona em turnos matutino e vespertino, está urgentemente precisando de verdadeiros reparos, ou melhor, de uma reconstrução total. Rachaduras, buracos, calçadas desgastadas, telhas velhas e parte elétrica danificada infelizmente são os “principais assuntos” ali encontrados. E para agravar a situação esse colégio fica a menos de 6 metros de uma caixa d´água que está levado um grande numero de infiltração para debaixo do colégio, devido que a estrutura da caixa está bastante danificada podendo até cair.
Essa escola que vinha há muito tempo sendo somente responsável pelo inicio dos estudos de muitos moradores daquela região, hoje ela é responsável também pelo medo que os pais sentem ao verem seus filhos indo para essa escola que pode cair a qualquer momento.
E sendo que ESSE COLÉGIO RECEBEU DO FNDE/MEC MAIS DE 25 MIL REAIS HÁ MAIS DE UM MÊS E ATÉ O PRESENTE MOMENTO NADA FOI FEITO PARA RESOLVER ESSE PROBLEMA QUE SE AGRAVA A CADA DIA.
 Enquanto isso dezenas de crianças que lá estudam para que futuramente tenham uma vida digna, estão inocentemente percebendo que aquele local de educação está se transformando a cada dia que passa em um lugar de terror. E não é preciso uma bola de cristal ou algo parecido para perceber que esse colégio vai cair a qualquer momento, então poder público de Ribeira do Amparo, “acorda”! O futuro dessas crianças também está em suas mãos. 
          Por: Michele Menezes
Fotos: Américo Carvalho/ Michele Menezes     
















Oficial de Justiça vai cumprir mandado e é recebido a bala



Um Oficial de Justiça foi vítima de um atentado a bala na manhã desta terça-feira (30) em João Pessoa. O fato aconteceu por volta das 9 horas no bairro do Bessa.
De acordo com a polícia, o oficial foi cumprir um mandado de pensão alimentícia no Edifício Oceania e ao tentar falar com Edvaldo Galdino Xavier de Sousa foi recebido a bala.
O oficial de Justiça saiu correndo e por pouco não foi alvejado pelos disparos. Ele ligou para a Polícia Militar que esteve no local e iniciou as investigações e buscas, mas o acusado não foi preso.
Agora, além do não pagamento da pensão alimentícia, o homem também pode responder pelo crime de tentativa de homicídio.
PBAgora

Homem que se dizia padre é flagrado em disputa de racha, diz PRF



Polícia deteve homens que participavam de racha na BR-386 (Foto: Divulgação/PRF)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou na tarde de segunda-feira (29) dois motoristas participando de um racha na BR-386, entre Montenegro e Tabaí, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Um dos condutores, de 26 anos, dirigia uma Parati. Ele apresentou-se como padre no momento da abordagem e alegou estar atrasado para um compromisso. Porém, segundo o Centro Educacional Marista de Lajeado, ele trabalha como instrutor religioso. O homem mora na instituição e ajuda nos trabalhos comunitários
De acordo a ocorrência da PRF, uma viatura avistou os veículos no km 418 da rodovia por volta das 17h. A velocidade estimada era de 150 km/h. Eles foram abordados no km 385. O outro veículo era um Gol, conduzido por um motorista de 30 anos. Após a revista, os agentes encontraram pequena quantidade de maconha no automóvel.
Os dois motoristas passaram pelo teste do bafômetro, que não constatou consumo de álcool. Eles foram multados e tiveram as carteiras de habilitação recolhidas. Os veículos foram apreendidos. A polícia também registrou ocorrência por disputa de corrida não autorizada, que prevê detenção de seis meses a dois anos. O passageiro do Gol, que se identificou como usuário de maconha, foi autuado por posse de entorpecente.
Com G1

A ética do PT é roubar, confirma o STF: Paulo Márcio escreve: O retorno triunfal de João

Paulo Márcio escreve: O retorno triunfal de João




A ética do PT é roubar, confirma o STF
                                                                                                                                       
                                                                                                                             Por Paulo Márcio

Se é certo que “toda unanimidade é burra”, como asseverou o genial Nelson Rodrigues, não é menos verdadeiro que toda generalização padece de uma terrível falha de percepção, o que a reduz, por princípio, a mero preconceito ou, no mínimo, distorção dos fatos e da realidade.
Assim, afirmações do tipo “todo muçulmano é fundamentalista”, “todo político é ladrão”, “todo religioso é hipócrita”, “todo advogado é desonesto”, etc., não passam de toscas manifestações do senso comum, imbuídas de preconceitos atávicos, arraigados nos porões do inconsciente, individual ou coletivo.
Em 2006, auge do mensalão, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, desde sempre o alvo preferido dos radicais de esquerda, em entrevista concedida a um importante semanário nacional, declarou que “a ética do PT é roubar”. Levado à justiça pelos fariseus ofendidos, foi obrigado a se retratar, dizendo que não falara a frase conforme reproduzida na capa da revista. Não obstante a provável distorção – e não há motivos para duvidar de FHC neste particular -, a frase correu o país, enfureceu as vestais e os sicários da seita lulista, e entrou definitivamente para os escaninhos da história. Passados seis anos, cai como uma luva para ilustrar o que de fato ocorreu nos bastidores da República durante a Era Lula.
Mas a que PT se referira FHC em fevereiro de 2006? Ao dos milhares de militantes que empunhavam bandeiras e compravam broches e adesivos para ajudar a financiar as campanhas do partido, naquela fase que pode ser chamada de “A Época da Inocência” (à qual muitos, cegos por uma estúpida ideologia, ainda se encontram aprisionados)? Ao dos trabalhadores filiados aos sindicatos que davam e continuam dando sustentação à legenda, mas que não desenvolvem nenhum tipo de militância? Ao dos profissionais liberais, professores, estudantes, agricultores, policiais, militares, donas de casa, aposentados, pensionistas, sem-teto e sem-terra que acreditavam nas promessas do alto-comando petista? Ou se referia o ex-presidente, apenas e tão somente, ao núcleo duro do partido, comandado por Lula e seu quebra-faca José Dirceu, àquela altura já atolados no valerioduto que emporcalhava a nação?
É óbvio que a crítica do ex-presidente tinha endereço certo: o quarto andar do Palácio do Planalto, de onde o todo-poderoso José Dirceu ditava as ordens aos seus acólitos: um “ajuntamento de ladrões”, para lembrar uma expressão cunhada pelo ex-ministro de Lula, Ciro Gomes (PSB), em homenagem a um grupo de corruptos juramentados pertencentes a um importante partido da base aliada.
Agora que o processo do mensalão está praticamente concluído (só restam a fixação das penas dos condenados – a chamada dosimetria – e a definição do seu regime inicial de cumprimento), a frase atribuída a Fernando Henrique Cardoso merece não só ser reeditada como analisada em retrospecto. Afinal, após o hercúleo e exaustivo trabalho do STF, que, por sorte, contou com os corretos e destemidos ministros Carlos Ayres Britto e Joaquim Barbosa em postos-chaves, o tempo veio mostrar que FHC estava certo em sua avaliação.
Sem embargo, está mais do que provado que a ética do lulopetismo é mesmo roubar. Roubar de forma desesperada. Roubar cínica e deslavadamente. Roubar como se não existissem no país imprensa livre, polícia, ministério público e poder judiciário. Roubar, roubar, roubar... como se não houvesse amanhã.

PAULO MÁRCIO, delegado de polícia
NE NOTÍCIAS

Belivaldo diz que vai à Justiça contra eleição de Suzana para o TC

Candidato do governo perdeu por 13 a 9



O secretário de Estado de Educação, Belivaldo Chagas, candidato derrotado ao cargo de conselheiro do Tribunal de Contas, disse há pouco que vai recorrer à Justiça contra a eleição da deputada Suzana Azevedo (PSC).
Belivaldo alega que a votação não poderia ter sido secreta e que Gilmar Carvalho (PR) não poderia ter votado, "por ter interesse na vaga da deputada Suzana".
Votação secreta
Na sessão desta terça-feira, 30, a maioria dos deputados alterou o regimento interno da Assembleia definindo votação secreta para o cargo de conselheiro do TC.
Belivaldo perdeu por 15 a 9. Um deputado se absteve e Adelson Barreto (PSB) anunciou sua abstenção, mas não participou da votação.

NE NOTÍCIAS

Déda parabeniza Suzana e diz que quer ir à sua posse no TCE

Governador também telefonou para Belivaldo



O governador Marcelo Déda (PT) telefonou para a deputada Suzana Azevedo (PSC), a quem parabenizou pela eleição para conselheira do Tribunal de Contas do Estado.
"Quero ter saúde para ir à sua posse", disse o petista.
Déda também telefonou para Belivaldo Chagas. O governador manifestou sua solidariedade: "O TCE perde um grande homem e o governo mantém um grande secretário de Educação".

 NE NOTÍCIAS

ACIDENTE DEIXA DOIS MORTOS E MAIS DE DEZ FERIDOS


Um grave acidente envolvendo uma caminhonete no município de Araci, na manhã desta segunda-feira (29), deixou duas pessoas mortas e mais de dez feridos. Segundo informações do site Interior da Bahia, o veículo fazia a linha do Povoado da Serra para Araci e estava lotado, quando a barra de direção quebrou. O motorista perdeu o controle da direção, se chocou contra um barranco e capotou diversas vezes.  

Com o impacto, o veículo arrebentou uma cerca de arame e invadiu uma roça de sisal, a mais de 50 metros de distância da estrada. Os dois mortos eram conhecidos como Conhaque e Pilunga. Segundo populates, a dupla viajava em cima da cabine do veículo, porque não havia mais lugar na carroceria. Para não perder o transporte, eles decidiram viajar sobre a cabine. Com o acidente, foram arremessados e morreram.

O motorista, cujo nome não foi divulgado, teve ferimentos leves. Os demais feridos foram levados ao Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição, em Araci. O estado de saúde das vítimas não foi divulgado. A estrada em que ocorreu o acidente liga o Distrito de Tapuio ao Complexo Turístico de Poço Grande.

Foto: Interior da Bahia
CARLINO SOUZA

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

SERGIPE: Explosão de caminhão tanque deixa dois mortos



Acidente aconteceu em oficina da cidade de Carmópolis.Veículo estava sendo soldado no momento da explosão.





                                                IMAGEM ILUSTRATIVA DA NET.
Na manhã desta segunda-feira (29), a explosão de um caminhão tanque, na cidade de Carmópolis, a 47 Km, de Aracaju provocou a morte de dois homens.
Segundo testemunhas, o acidente aconteceu numa oficina no Conjunto Santa Barbarbara II, quando padastro e entedado realizavam serviços de soldagem na estrutura do veículo.
Como o impacto da explosão os homens foram arremessados e morreram na hora. A polícia técnica ainda não chegou ao local do acidente.
Do G1 SE

Festa de prefeito termina com pessoas pisoteadas e feridas a bala



Solânea

A festa de comemoração da vitória do candidato Beto do Brasil (PPS), no município de Solânea (localizada no Brejo paraibano a 138 km de João Pessoa), terminou com duas pessoas baleadas e seis pisoteadas. O caso ocorreu na noite deste domingo (28), no Centro da cidade.
De acordo com capitão Leonardo Neves, comandante da Companhia da Polícia Militar da Cidade, estava ocorrendo o evento quando dois homens iniciaram uma discussão no meio da multidão e, em seguida, ouviu-se tiros.
“Foi um corre-corre. Houve muito tumulto após os disparos no meio da festa. Várias pessoas ficaram feridas porque durante a correria os participantes do evento caíram no chão e foram pisoteados. Cerca de oito pessoas ficaram feridas, duas delas a bala”, comentou o capitão.
Ainda segundo o policial, as duas pessoas baleadas foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande por ambulâncias do Samu. As vítimas feridas à bala são: Danilo de Sousa Vieira (baleado no braço), Jailson Maciel dos Santos, 32 anos, ferido no peito.
De acordo com o boletim médico do hospital, o caso mais grave é Jailson Maciel. As outras pessoas feridas não correm risco de morte.
“Já temos pistas do acusado pelos disparos. Estamos rastreando e o mais breve possível vamos prendê-lo”, adiantou o capitão Leonardo Neves.
Beto do Brasil é ex-prefeito de Solânea e conseguiu se reeleger nas eleições deste ano conquistando 58,24 % dos votos válidos correspondente a 8.523 votos válidos.
Portal Correio

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA