Seguidores Vip

SEGUIDORES VIP

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

‘Manchou história do país’, diz prefeito que derrubou busto de Costa e Silva

A conclusão do relatório da Comissão Nacional da Verdade (CNV), recebido com lágrimas pela presidente Dilma Rousseff na semana passada, motivou a derrubada de um busto do ex-presidente Costa Silva na terça-feira (16) em Taquari, no Rio Grande do Sul.
Segundo o prefeito Emanuel Hassen de Jesus (PT), a decisão, que provocou polêmica na terra natal do militar, foi tomada em conjunto com outras autoridades locais após a divulgação do documento. “Obviamente tínhamos consciência que a retirada do busto iria gerar polêmica.
Mas, mesmo assim, a gente achou importante para trazer luz à história”, justificou o prefeito em entrevista aoG1. “Não tenho dúvidas que ele manchou a história do país. Foi responsável por um dos piores períodos de nossa história”, acrescentou ele sobre o presidente que governou o Brasil entre março de 1967 a agosto de 1969, durante o regime militar (1964-1985).
O monumento com mais de dois metros de altura em granito negro e bronze foi construído em 1976 e estava localizado na Lagoa Armênia, na praça central da cidade. Derrubada por uma máquina da prefeitura, a estrutura foi levada até a casa onde Costa e Silva morou em Taquari, sua terra natal, atualmente transformada em museu. A retirada da estrutura ocorreu na véspera dos 45 anos da morte do marechal, nesta quarta.
O prefeito diz que não houve resistência da comunidade. “Entre as autoridades políticas do município, 99% apoiam. Inclusive na Câmara. Ele não tem familiares próximos residindo aqui atualmente. A remoção ocorreu dentro do limite do respeito à democracia”, avaliou.
Jesus também afirmou que “não há mais razão” para deixar a estrutura em um dos principais pontos turísticos do município depois da conclusão da Comissão da Verdade. “Ali é um espaço turístico de cultura. Agora ficará no museu e ao lado do busto deixaremos uma cópia do documento da CNV para ficar à disposição da população”, completou.
De acordo com o relatório da CNV, todos os militares que se tornaram presidentes durante a ditadura militar, entre 1964 e 1985, são responsáveis pelas violações de direitos humanos. Na lista, figura o nome de Costa e Silva.
O relatório com cerca de 2 mil páginas apontou 377 responsáveis por crimes durante a ditadura militar, revisou para 434 o número de mortos e desaparecidos pelo regime e recomendou que as Forças Armadas reconheçam que houve tortura em instalações militares.
Após a divulgação do relatório, instituições militares reagiram e dirigiram críticas ao documento. O Clube Militar, que reúne oficiais da reserva, por exemplo, chamou de “absurdo” o relatório final e o classificou de “uma coleção de meias verdades, calúnias e mentiras inteiras, embaladas com pedaços de verdade”.Remoção ocorreu uma semana após divulgação de relatório da Comissão da Verdade (Foto: Vinicius Brito/RBS TV)Estrutura será deixada em museu na casa onde Costa e Silva residiu (Foto: Vinicius Brito/RBS TV)
Postar um comentário

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

FRAM MARQUES

Minha foto

MINHA PÁGINA:

MEU GRUPO: 

MEU SITE:

SIMPLES ASSIM...

HOJE APRENDI QUE VIVER É SER LIVRE, QUE TER AMIGOS É NECESSÁRIO, APRENDI QUE O TEMPO CURA, QUE LUTAR É MANTER-SE VIVO, QUE DECEPÇÃO NÃO MATA, QUE HOJE É REFLEXO DO ONTEM, QUE VERDADEIROS AMIGOS PERMANECEM QUE A DOR FORTALECE, QUE A BELEZA NÃO ESTA NO QUE TEMOS, MAS SIM NO QUE SENTIMOS! , E QUE O SEGREDO DA VIDA É VIVER,

LUTE, SONHE, PERDOE, CONQUISTE CADA SEGUNDO, POIS,
NA VIDA NÃO HÁ RETORNOS:
SÓ RECORDAÇÃO.

SE ALGUM DIA ALGUÉM LHE DISSER QUE SEU TRABALHO NÃO É DE UM PROFISSIONAL, LEMBRE-SE:
AMADORES CONSTRUÍRAM A ARCA DE NOÉ E PROFISSIONAIS CONSTRUÍRAM O TITANIC.
PORTANTO, ANTES DE RECLAMAR, LEMBRE-SE, NÃO SOU PERFEITO, MAS PROCURO A PERFEIÇÃO.




FRAM MARQUES

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA