Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

sábado, 28 de setembro de 2019

DESATIVAÇÃO DAS COMARCAS DE ANTAS E CIPÓ É SUSPENSA PELO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA



A desativação de 18 comarcas do interior da Bahia, aprovada no último dia 29 de julho pelo Tribunal de Justiça do estado (TJ-BA) foi suspensa nesta quarta-feira (25), pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), por meio de uma decisão de um procedimento de controle administrativo, segundo informa o site Bahia Notícias.
A suspensão é até a análise do mérito da questão e durante este período qualquer ato do TJ-BA em relação às comarcas estará também estará suspenso. A decisão atinge as comarcas de Antas e Cipó, que ainda não haviam tido as suas atividades judiciárias finalizadas.
Na decisão, assinada pela conselheira Maria Tereza Uille Gomes, há ainda a determinação de que o Tribunal de Justiça encaminhe em 15 dias informações com a relação completa de todas as comarcas existentes no estado com o nome do juiz titular ou do substituto e a quantidade de cargos vagos de de juiz de Direito ou substituto no estado.
ARILDO LEONE

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

BAHIA: Vice-governador pede paciência a ACM Neto: 'Ele anda muito nervoso'

por Ailma Teixeira
Vice-governador pede paciência a ACM Neto: 'Ele anda muito nervoso'
Foto: Raul Spinassé / Ag. A Tarde
Com a ponte Salvador - Itaparica no centro do debate, o vice-governador João Leão (PP) foi questionado sobre a confecção de um Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) integrado com os municípios que serão afetados pela obra. Enquanto gestores como o prefeito ACM Neto cobram a participação nas discussões sobre o projeto, Leão defende o compartilhamento do documento após a finalização do plano, que, segundo ele, já está em desenvolvimento. No entanto, o vice-governador disse não acreditar que as críticas de ACM Neto tenham motivações eleitorais.

"Eu acredito que o prefeito realmente está preocupado com algum coisa, ultimamente ele anda muito nervoso", analisa Leão em entrevista aos jornalistas Fernando Duarte e Jefferson Beltrão no programa "Isso é Bahia", parceria do Bahia Notícias com a rádio A Tarde FM.

O pepista ressalta um pedido de "paciência" ao democrata, pois a gestão estadual o quer como parceiro da iniciativa. "A hora que ele quiser é só ele pegar o telefone e ligar: 'Leãozinho, venha cá conversar'", explica, ao dizer que está aberto a um convite para discutir todos os detalhes sobre a ponte (veja aqui).

Com a licitação publicada na última semana, as obras devem ser concluídas em cinco anos.

BAHIA NOTÍCIAS

'Recomendo que procure ajuda psiquiátrica', diz Gilmar Mendes em resposta a Janot

'Recomendo que procure ajuda psiquiátrica', diz Gilmar Mendes em resposta a Janot
Foto: Gláucio Dettmar/ Agência CNJ
Depois de o ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, confessar que planejou matar Gilmar Mendes (reveja aqui), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) recomendou que o ex-chefe da PGR procure ajuda psiquiátrica.

Mendes afirmou que lamentava "o fato de que, por um bom tempo, uma parte do devido processo legal no país ficou refém de quem confessa ter impulsos homicidas, destacando que a eventual intenção suicida, no caso, buscava apenas o livramento da pena que adviria do gesto tresloucado. Até o ato contra si mesmo seria motivado por oportunismo e covardia".

Gilmar Mendes disse ainda que ficou "surpreso" com a revelação. "Sempre acreditei que, na relação profissional com tão notória figura, estava exposto, no máximo, a petições mal redigidas, em que a pobreza da língua concorria com a indigência da fundamentação técnica. Agora ele revela que eu corria também risco de morrer", acrescentou. 

O ministro também afirmou que "o combate à corrupção no Brasil — justo, necessário e urgente — tornou-se refém de fanáticos que nunca esconderam que também tinham um projeto de poder. Dentro do que é cabível a um ministro do STF, procurei evidenciar tais desvios. E continuarei a fazê-lo em defesa da Constituição e do devido processo legal".

BAHIA NOTÍCIAS

Revelação de Janot sobre Gilmar Mendes agravou situação do MPF, dizem procuradores

Revelação de Janot sobre Gilmar Mendes agravou situação do MPF, dizem procuradores
Foto: Wilson Dias / Agência Brasil
Membros da Procuradoria-Geral da República avaliam que a situação do Ministério Público Federal (MPF) no Supremo Tribunal Federal (STF) tende a piorar após as declarações do ex-titular da PGR, Rodrigo Janot. Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, na noite dessa quinta-feira (26), Janot revelou ter planejado matar o ministro Gilmar Mendes e se suicidar em seguida dentro da corte (saiba mais aqui).

Segundo informações do blog Painel, da Folha de S. Paulo, com a repercussão da notícia, procuradores que trabalharam com ele disseram ter ficado "em choque, perplexos" com a revelação. Já ministros disseram à publicação que ele desmoralizou o posto e acabou com a liturgia do cargo. Alguns foram mais adiante e questionaram ainda se o ex-PGR estava bêbado quando falou sobre o assunto.

Na verdade, Janot está divulgando seu livro de memórias, “Nada Menos que Tudo”, com bastidores da Operação Lava Jato. Ele repete essa história no conteúdo, mas ocultando o nome do ministro.

BAHIA NOTÍCIAS

Janot revela pedido com aval de Temer para livrar Cunha de investigação

Janot revela pedido com aval de Temer para livrar Cunha de investigação
Foto: Gustavo Lima / Câmara dos Deputados
Prestes a lançar um livro sobre os bastidores da Operação Lava Jato, o ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, adiantou algumas de suas versões contidas no livro de memórias. Uma das histórias já divulgadas se refere ao episódio em que o ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves (MDB-RN) teria lhe pedido, com aval do então vice-presidente Michel Temer (MDB), que poupasse o ex-deputado federal Eduardo Cunha (MDB-RJ), na época atual presidente da Câmara, de investigação.

Em entrevista à revista Veja, Janot contou que isso aconteceu em março de 2016. “Pouco antes do início do processo de impeachment da Dilma, recebi um convite para ir ao Jaburu encontrar o vice-presidente. Lá, ele [Temer], depois de um pequeno rodeio, falou assim: ‘Estamos aqui para conversar não com o procurador-geral, mas com o patriota’. E entra o Henrique Eduardo Alves e reafirma: ‘Estamos aqui falando com o patriota e queríamos chamar o senhor para não permitir que o Brasil entre numa ‘situação de risco’. Esse homem é um louco. O senhor tem de parar essa investigação’. O louco era o deputado Eduardo Cunha. Custei a acreditar que estava ouvindo aquilo e disse que aquela conversa estava errada. Diante da minha reação, Temer ainda insistiu: ‘O Henrique não está falando com o procurador-geral, ele está falando a um patriota. Não há gravidade na proposta que ele está fazendo’. Eles queriam que eu praticasse um crime, o de prevaricação. Falei alguns palavrões indizíveis antes de ir embora. A reunião foi testemunhada pelo Zé Eduardo [José Eduardo Cardozo, então ministro da Justiça]”, relatou.

Os políticos citados ainda não se pronunciaram sobre as declarações de Janot. Depois da reunião mencionada, Cunha acabou tendo o mandato cassado pela Comissão de Ética da Câmara (veja aqui), mas não sem antes autorizar a abertura do processo de impeachment (veja aqui) da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Já Temer assumiu o governo e chegou ao fim do mandato apesar de enfrentar duas denúncias de Janot, uma por corrupção passiva e outra por organização criminosa, o chamado “quadrilhão do MDB”, que envolve também Cunha e Alves - ambas as denúncias foram rejeitadas pela Congresso.

BAHIA NOTÍCIAS

Rui Costa veta integralmente projetos de deputados da base aliada

por João Brandão / Rodrigo Daniel Silva
Rui Costa veta integralmente projetos de deputados da base aliada
Foto: Secom / GOVBA
O governador da Bahia, Rui Costa (PT), vetou integralmente três projetos de deputados da sua base aliada. Os atos foram publicados no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (27).

Segundo a publicação, Rui vetou a proposta chamada de "Fila Zero", que pretendia acabar com filas para pacientes que tratam câncer pelo SUS. O projeto era do deputado estadual Alex da Piatã (PSD).

O governador também decidiu não sancionar a sugestão da deputada aliada Fabíola Mansur (PSB), que queria regulamentar o inciso VI do Art. 4º da Constituição do Estado da Bahia, que dispõe sobre a comprovação absoluta de incapacidade de pagamento de serviços públicos de água, esgoto e energia elétrica.

Além disso, o chefe do Palácio de Ondina vetou a proposta de Marcelino Veiga (PSB) que acrescentaria três incisos ao art. 76 da Lei nº 6.677/1994, que dispõe sobre o Estatuto dos Servidores Públicos Civis do Estado da Bahia, das Autarquias e das Fundações Públicas Estaduais. 

BAHIA NOTÍCIAS

quinta-feira, 26 de setembro de 2019

DNA POLÍTICO: Luizinho Filho participa dos festejos de Samambaia.



Festa de Nossa Senhora da Boa Viagem

A visita era planejada desde o início do ano. Novo nome na política e possível futuro pré-candidato, o jovem Luizinho Filho voltaria a uma das localidades considerada terra natal e reduto político de seu pai pela primeira vez.

O plano se concretizou no domingo (22) em meio a uma série de atos pelo interior Tobiense e deixou o jovem "emocionado", como ele mesmo relatou.

Luizinho Filho e amigos foram recebidos por centenas de conterrâneos na Vila de Samambaia.
Muitos moradores de época em que ali ainda era um pequeno lugarejo.

E todos faziam questão de cumprimentar o filho de um grande político, que marcou muito na história daquele Distrito.
No retorno ao lugar onde seu pai Luiz Alves de Oliveira Filho “O LUIZINHO” fez história,  Luizinho Filho teve como anfitrião o povo.
Muitos faziam questão de vir cumprimentar, abraçar e relembrar assuntos de uma política diferente.

Outros relatavam a forma de Luizinho tratar os povoados em uma época em que a política era bastante disputada. 

Porém a atenção e carinho ao povo do interior era o carro chefe de sua administração.

As siglas diferentes não impediram LUIZINHO de ser levado com pompa até o gabinete na sede da prefeitura, cercado de apoiadores, vereadores da cidade e prefeitos de outros municípios da região.
E essa é a conduta e plataforma que vem desempenhando o jovem herdeiro de um dos maiores DNA da política sergipana.

Um jovem focado, trabalhador, muito a frente de seu tempo e pra lá de determinado.
Luizinho Filho vem visitando todo o município. Sendo recebido e abraçado por todos.

Por Fram Marques
JORNALISTA REGISTRO DRT 02308MTB/SE






























quarta-feira, 25 de setembro de 2019

NOVA PREVIDÊNCIA: PRINCIPAIS PONTOS DA NOVA PREVIDÊNCIA



PLENÁRIO DA CÂMARA

Dia 10 de julho, foi votado na Câmara dos Deputados, o texto-base da PEC. Foram 379 votos a favor (71 a mais que o mínimo necessário de 308 votos). Dois dias depois, após a votação dos destaques, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 06/2019, foi aprovada em 1º turno no Plenário da Câmara.

COMISSÃO ESPECIAL DA CÂMARA

A PEC foi aprovada pela Comissão Especial da Câmara dos Deputados encarregada de analisar a proposta.

APROVAÇÃO DA PEC NA CCJ

A PEC 06/2019 foi aprovada pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania.

ENTREGA DA PEC

O presidente entregou a PEC 06/2019 na Câmara.

A votação da PEC no 2º turno

No dia 7 de agosto, foi votado na Câmara dos Deputados o texto-base da PEC em 2º turno. Foram 370 votos a favor (62 a mais que o mínimo necessário de 308 votos). Após a votação dos destaques, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 06/2019, foi aprovada em 2º turno no Plenário da Câmara.

SENADO – A PEC foi aprovada pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania.

A proposta foi aprovada pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania. A próxima etapa é no plenário do Senado, para votação em dois turnos. Uma vez aprovada, a emenda constitucional é promulgada pelo Congresso Nacional.

PLENÁRIO DO SENADO

O texto deve ser aprovado por, no mínimo, 49 dos 81 senadores.

PLENÁRIO DO SENADO

O texto deve ser aprovado por, no mínimo, 49 dos 81 senadores. Se o texto for aprovado da mesma forma como veio da Câmara, sem alterações, ele é promulgado pelo Congresso e passa a fazer parte da Constituição. Caso os senadores façam modificações durante os debates, a proposta volta para a Câmara e passa novamente pelo crivo dos deputados.

Pensão por morte

A Nova Previdência continua a garantir a pensão da viúva ou do viúvo. Um percentual, no valor de 50% do valor da aposentadoria, vai determinar quanto passará a receber o dependente do segurado falecido. Assim, o viúvo ou a viúva receberá 50% mais 10%, como dependente, além de 10% por filho, se houver, até atingir a maioridade. Se o benefício for a única fonte de renda daquele dependente, o valor não poderá ser menor do que o salário-mínimo em vigor.

Auxílio-doença

A Nova Previdência praticamente não altera as regras do auxílio-doença. Com a nova lei, a média de contribuições para calcular o auxílio-doença será de 100%, e não de 80%, como é hoje. Para obter o benefício estão mantidos os procedimentos atuais: agendar perícia médica e esperar o resultado a que o segurado tem direito.

Pessoa com deficiência e idoso em situação de pobreza

A Nova Previdência manteve-se atenta a duas parcelas da população que necessitam de um apoio especial: pessoas com deficiência e idosos de 65 anos ou mais que vivem em situação de pobreza. Por isso, a nova lei garante que o Benefício de Prestação Continuada (BPC) não mudará. Um salário mínimo mensal será pago aos que comprovarem não possuir meios para se manter nem de ser mantidos por suas famílias. Para ter direito é necessário que a renda por pessoa do grupo familiar seja inferior a 1/4 do salário mínimo vigente. Não é necessário que o deficiente ou o idoso tenha contribuído ao INSS para ter direito. No entanto, da mesma forma que é hoje, esse benefício não paga 13º salário e não deixa pensão por morte.

Tempo de contribuição e idade mínima

O Brasil é um dos poucos países do mundo onde é possível aposentar-se sem idade mínima. Ao mesmo tempo, nossa população envelhece rapidamente. Por isso, é tão importante estabelecer regras que permitam continuar pagando os benefícios sociais para todos.
Os trabalhadores que ainda não começaram a trabalhar vão se aposentar aos 65 anos (homens) e aos 62 (mulheres). Poderá se aposentar quem atingir essas idades e tiver contribuído por 15 anos (mulheres) e 20 anos (homens). Na transição, a idade mínima de aposentadoria por idade, pelo INSS, para quem já trabalha subirá aos poucos. Começa em 61 (homens) e 56 (mulheres) e terá acréscimo de 6 meses por ano. Em 2022, por exemplo, será de 62 (homens) e 57 (mulheres).
As novas regras sobre o tempo de contribuição e a transição para quem está chegando ao tempo de se aposentar também estão previstas. Quem já trabalha e contribui para o INSS ou é funcionário público terá regras de transição. Outras categorias especiais, como a dos professores, também passarão por mudanças.

Estados e municípios

Na votação em primeiro turno, na Câmara dos Deputados, o parecer do relator da proposta da Nova Previdência foi aprovado sem a inclusão de estados e municípios. Existe a possibilidade de que entes federativos sejam incluídos, quando a proposta entrar em apreciação no Senado.

As novas regras para a aposentadoria

A Nova Previdência traz mudanças importantes para quem ainda não começou a trabalhar e para quem já contribui para o INSS ou para os sistemas de aposentadoria dos servidores públicos. Para quem já está no mercado de trabalho foram criadas regras de transição. O objetivo é diminuir o impacto das mudanças.
  1. Para quem ainda não trabalha
    • Trabalhadores privados (urbanos) ou servidores vinculados ao Regime Geral de Previdência Social (RGPS)

      Idade mínima: 62 anos (mulheres) e 65 anos (homens).
      Tempo de contribuição mínima: 15 anos (mulheres) e 20 anos (homens).
    • Servidores públicos da União
      Idade mínima: 62 anos (mulheres) e 65 anos (homens).
      Tempo mínimo de contribuição: 25 anos, com 10 anos no serviço público e cinco no mesmo cargo em que o servidor irá se aposentar.
    • Trabalhadores rurais
      Idade mínima: 55 anos (mulheres) e 60 anos (homens).
      Tempo de contribuição: 15 anos (ambos os sexos).
    • Professores
      Idade mínima: 57 anos (mulheres) e 60 anos (homens).
      Tempo de contribuição: 25 anos (ambos os sexos).
    • Policiais federais, rodoviários federais e legislativos
      Idade mínima: 55 anos (ambos os sexos).
      Tempo de contribuição: 30 anos (para ambos os sexos, além de 25 anos no exercício da carreira).
    • Cálculo do benefício
      Valor da aposentadoria: será calculado com base na média de 100% do histórico de contribuições do trabalhador.
      Contribuições – ao atingir o tempo mínimo de contribuição (20 anos para homens e 15 anos para mulheres do setor privado), os trabalhadores do regime geral terão direito a 60% do valor do benefício integral, com o percentual subindo 2 pontos para cada ano a mais de contribuição.
      Mulheres terão direito a 100% do benefício quando somarem 35 anos de contribuição.
      Homens terão direito a 100% do benefício quando tiverem 40 anos de contribuição.
      Reajustes – o valor da aposentadoria nunca será superior ao teto do INSS, atualmente em R$ 5.839,45, nem inferior ao salário mínimo (hoje R$ 998).
      Garantia – o reajuste dos benefícios sempre será calculado pela inflação.
  2. Para quem já está no mercado de trabalho
    Haverá regras de transição para que os trabalhadores possam se adaptar
    • Transição 1: sistema de pontos (para INSS)
      Já existe atualmente para pedir aposentadoria integral. É a fórmula de pontuação 86/96. O trabalhador soma a idade mais o tempo de contribuição, que deve alcançar 86 para mulheres e 96 para os homens. O tempo de contribuição para eles tem que ser de 35 anos, e para elas, de 30 anos. Essa regra prevê aumento de um ponto a cada ano, chegando a 100 para mulheres e 105 para homens.
    • Transição 2: tempo de contribuição + idade mínima (para INSS)
      Idade mínima começa em 56 anos para mulheres e 61 para homens. A cada ano, a idade sobe 6 meses até atingir 62/65 anos. A transição acaba em 12 anos para mulheres e em oito anos para homens. O tempo mínimo de contribuição é de 30 anos para mulheres e 35 para homens.
    • Transição 3: pedágio de 50% – tempo de contribuição para quem está próximo de se aposentar (para INSS)
      O pedágio vale para quem vai se aposentar em breve com o tempo mínimo de contribuição de 30 anos para mulher e 35 anos para homem. Quem estiver a um ano da aposentadoria deverá trabalhar mais seis meses, totalizando um ano e meio. O fator previdenciário ainda estará valendo.
    • Transição 4: por idade (para INSS)
      A partir de janeiro de 2020, haverá um acréscimo de seis meses na idade mínima de aposentadoria da mulher. Ou seja, a regra inicial de 60 anos de idade e 15 de contribuição chegará a 62 anos em 2023.
    • Transição 5: pedágio de 100% (para INSS e servidores)
      • Trabalhadores do INSS – haverá a opção para quem quiser se aposentar por idade, tanto no setor privado quanto no setor público. Todos terão que se enquadrar na seguinte regra: idade mínima de 57 anos (mulheres) e de 60 anos (homens), além de pagar um pedágio de 100%, ou seja, igual ao número de anos que faltará para cumprir o tempo mínimo de contribuição. Exemplo: a mulher que estiver com 27 anos de contribuição, a partir da data em que a PEC entrar em vigor, precisará trabalhar mais três anos para completar os 30 anos obrigatórios e mais três anos do pedágio.
      • Policiais federais – a idade mínima é de 53 anos para homens e 52 para mulheres, mais pedágio de 100%: 30 anos para homens, com pelo menos 20 anos no exercício do cargo; 25 anos para mulheres, com pelo menos 15 anos no exercício do cargo.
      • Professores – a idade mínima exigida é 52 anos para mulheres e 55 anos para homens. O pedágio será de 100% sobre o tempo que falta para a aposentadoria.
      • Servidores da União – será preciso cumprir 20 anos de serviço público, com 5 anos no cargo em que o servidor pretende se aposentar.
    • Transição 6: somente para servidores públicos
      A transição será por pontuação, que soma o tempo de contribuição e a idade mínima, que começa em 86 pontos (mulheres) e 96 pontos (homens).

      A cada ano, haverá aumento de um ponto, com duração de 14 anos para mulheres e de nove anos para homens. A transição termina quando a pontuação alcançar 100 pontos para mulheres e 105 pontos para homens.

      O tempo mínimo de contribuição dos servidores é de 30 anos (mulheres) e de 35 anos (homens). A idade mínima começa em 56 anos para mulheres e 61 anos para homens.

      Quem ingressou no serviço público até 31 de dezembro de 2003 receberá aposentadoria integral aos 62 anos (mulheres) e 65 anos (homens). Para quem ingressou após 2003, o benefício será de 60% com 20 anos de contribuição, subindo também dois pontos percentuais para cada ano a mais de contribuição.
    • APOSENTADORIA ESPECIAL
      Exercício de atividade com efetiva exposição a agentes nocivos à saúde durante 15, 20 ou 25 anos, a depender do agente a que estiver exposto. 55 anos de idade, quando se tratar de atividade especial de 15 anos de contribuição;, 58 anos de idade, quando se tratar de atividade especial de 20 anos de contribuição; ou 60 anos de idade, quando se tratar de atividade especial de 25 anos de contribuição, tanto para homens quanto para mulheres.

ASSISTA: Após quebrar árvores em avenida de Itapicuru, jovem se arrepende e faz o replantio.



                                           
Após quebrar árvores em avenida Dantas Junior em Itapicuru, jovem se arrepende e faz o replantio.


Jovem foi filmado por câmeras de segurança.

Um jovem foi flagrado quebrando árvores na avenida principal da cidade de Itapicuru. Nas imagens, é possível reconhecer e perceber que o homem quebra de proposito algumas palmeiras.

                                           





A prefeitura de Itapicuru, através das secretarias de Agricultura e Meio Ambiente, intensificaram os trabalhos para descobrir e localizar o homem que teria feito tal estrago.

Toda a população se mobilizou e compartilhou os vídeos. E não demorou a identificação do autor. 
Procurado pelos órgãos responsáveis, o jovem se disse muito arrependido e que o mesmo queria replantar o que teria destruído.

Hoje nós trouxemos esse jovem que está bastante arrependido. Se prontificou, se desculpou e está aqui para mudar a realidade do que fez. Disse o Engenheiro Ambiental Joilson Lima.
Após o plantio, ele irá cuidar de todas as Palmeiras da avenida durante 03 (três) meses.

segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Coronel sinaliza voto pró-reforma da Previdência e abre portas do PSD para Rui

por Rodrigo Daniel Silva
Coronel sinaliza voto pró-reforma da Previdência e abre portas do PSD para Rui
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado
O senador Angelo Coronel (PSL) disse, nesta segunda-feira (23), que "deve" votar a favor do texto principal da reforma da Previdência, e afirmou ainda que vai conversar com o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, e o senador Otto Alencar para ter um convite oficial para o governador Rui Costa (PT). 

Sobre a reforma, Coronel disse que tem "várias emendas" e tem trabalhado para aprová-las. "No texto principal, vamos ter uma reunião partidária para saber se partido sairá com posição unida. Deveremos votar o texto principal como veio da Câmara. E lutarmos para as emendas, melhorar a regra de transição, melhorar a idade mínima, a proteção às viúvas", declarou, em entrevista ao Bahia Notícias.

Para Coronel, a "tendência" é que o Senado aprove a "PEC paralela", que pretende incluir estados e municípios na reforma, e depois a Câmara dos Deputados também deve autorizar. Sobre o convite para Rui Costa para o PSD, o senador afirmou:

"Quero dar a sugestão para Otto e Kassab para que a gente faça um convite oficial ao governador. E ele pode ser o candidato a presidente". O convite ocorre após declarações polêmicas do governador causarem mal-estar dentro do PT, e o ex-presidente Lula (PT) criticar Rui (reveja aqui). 

BAHIA NOTÍCIAS

Bom Jesus da Lapa: prefeitura negocia com hotel internacional e planeja novo aeroporto

Bom Jesus da Lapa: prefeitura negocia com hotel internacional e planeja novo aeroporto
Foto: Divulgação
A prefeitura de Bom Jesus da Lapa, na região do Velho Chico, oeste baiano, iniciou negociações com um grupo hoteleiro para construção de um hotel com padrão internacional na cidade.

O município se estabeleceu no Mapa do Turismo Brasileiro de 2020, na categoria “B” em uma escala de “A até E”. O dado divulgado no último dia 26 de agosto coloca a “Capital Baiana da Fé” como um dos principais destinos do turismo religioso no Brasil. A categorização vai permitir a cidade receber atenção especial no planejamento, desenvolvimento e estímulo ao setor.

Com cinco romarias realizadas por ano, entre elas a do Bom Jesus, que recebe mais de 1,5 milhão de turistas, o município está fazendo investimentos na infraestrutura e espera, em breve, viabilizar junto ao Governo do Estado, a construção do novo aeroporto da cidade. 

“Queremos alcançar já no próximo ano o recorde de 2 milhões de turistas na Romaria do Bom Jesus, subindo de terceira para segunda maior do Brasil, e intensificar as outras romarias e a Festa do Divino, que nos permite manter o fluxo turístico durante todo o ano”, explicou o prefeito Eures Ribeiro.

Segundo ele, a classificação no Mapa do Turismo é importante para nortear o desempenho de Bom Jesus da Lapa como destino. “Nosso município é banhado pelo Rio São Francisco, o que nos dá condições de explorar também as riquezas naturais. Já estamos investindo, em parceria com a Secretaria Estadual do Turismo, na capacitação e qualificação dos profissionais das áreas de serviços para reforçar ainda mais o segmento turístico da Lapa”, afirmou.

BAHIA NOTÍCIAS

CRIME NA CARCERAGEM DA DELEGACIA DE POLICIA CIVIL DE CIPÓ

Pela manha de sexta-feira 20, na Delegacia de Policia Civil de Cipó, por volta das 8:00 horas, os carcereiros José Carlos e Laerte, ao se deslocarem até a carceragem, onde levariam o café da manha aos detentos, foram informados pelos próprios custodiados, que o individuo José Adenilton de Souza, preso no dia 18 desse mês, estaria morto dentro da cela da carceragem. 
Em seguida os agentes informaram a situação ao Delegado de Policia Civil Thiago Alves que prontamente acionou o Departamento de Policia técnica, para que fosse feito o procedimento de pericia. 
Não foi constatada ainda motivação nem o meio empregado na ação do crime. Foram feitos todos os procedimentos para abertura do Inquérito Policial para que o crime seja esclarecido o mais breve possível. 

ARILDO LEONE

CIGARROS CONTRABANDEADOS SÃO APREENDIDOS PELA PRF EM RIBEIRA DO POMBAL

Centenas de caixas de cigarros que estavam em um caminhão-baú de origem clandestina foram apreendidas nesta quinta-feira, 19, em Ribeira do Pombal-BA. A ação, realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), ocorreu no trecho do km-170 da BR-110.
Ao todo, cerca de 200 mil maços de cigarros paraguaios avaliados em mais de um milhão de reais foram encontrados camuflados por uma carga de biscoitos.

Carga é avaliada em mais de um milhão de reais

Segundo informações da PRF, o condutor do veículo, um homem de 54 anos, foi preso em flagrante e encaminhado à Polícia Judiciária local.
O órgão já apreendeu cerca de 3,4 milhões de maços de cigarro na Bahia, em 2019, totalizando valores avaliados em mais de 15 milhões de reais.

Fonte: A Tarde / ARILDO LEONE

sexta-feira, 20 de setembro de 2019

JUSTIÇA AUTORIZA ABATE DE JUMENTOS NA BAHIA

Resultado de imagem para JUSTIÇA AUTORIZA ABATE DE JUMENTOS NA BAHIA
O Tribunal Regional Federal concedeu na quinta-feira (12) uma decisão favorável aos frigoríficos da Bahia que abatem asininos, ou seja, jumentos. O TRF derrubou a liminar que proibia o abate deste tipo de animal em todo o estado.
A proibição estava em vigor desde dezembro do ano passado e atendia a uma solicitação de cinco entidades de defesa dos animais. Na época elas entraram com uma ação civil pública contra a União e o estado da Bahia. Entre outros argumentos, além de denúncias de maus tratos em um frigorífico de Itapetinga, as entidades destacavam a importância do jumento para a cultura nordestina.
As alegações das entidades tinham sido acatadas pela Justiça Federal na Bahia, em primeira instância. Assim, todos os frigoríficos do estado foram obrigados a suspender o abate de jegues. Estima-se que juntos eles geravam uma receita aproximada de mais de 40 milhões de dólares através do comércio da carne de jumento. 
Do Correio da Bahia / JOILSON COSTA

DINHEIRO DO PRÉ-SAL: DEZEMBRO OU JANEIRO

Imagem relacionada

Durante a Mobilização Municipalista, promovida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), na terça-feira (17), em Brasília, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, prometeu colocar em votação três pautas: cessão onerosa; repasse adicional de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em setembro; e liberação direta de recursos de emendas individuais impositivas sem passar pela Caixa. Além disso, o presidente da CNM, Glademir Aroldi, lembrou que o leilão do pré-sal está programado para 6 de novembro. 

Em caso de aprovação com manutenção do texto, que estabeleceu a transferência dos recursos por meio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), um total de 10,6 bilhões de repasse deve estar nas contas dos municípios no final do mês de dezembro deste ano ou no início de 2020. Os recursos repassados aos Municípios deverão ser utilizados para pagar dívidas e investimentos. O pagamento de salários de servidores foi vetado. Valores a receber pelos municípios baianos, por índice, são os seguintes: 0,6 R$ 950 mil; 0,8 R$ 1.266 mil; 1,0 R$ 1.583 mil; 1,2 R$ 1.900 mil; 1,4 R$ 2.217 mil; 1,6 R$ 2.533 mil; 1,8 R$ 2.850 mil; 2,0 R$ 3.167 mil; 2,2 R$ 3.484 mil; 2,6 R$ 3.800 mil. 

Do site CNM / JOILSON COSTA

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

BAHIA: FPM DA REGIÃO

Resultado de imagem para fpmSegundo o site do Banco do Brasil, são estes os valores do 1º FPM do mês para as prefeituras da região: Valor líquido, a ser creditado na terça-feira, 10 de setembro de 2019. Ribeira do Pombal R$ ZERO o INSS descontou mais de R$ 792 mil; Ribeira do Amparo R$ 400.535,43; Banzaê R$ 416.601,10; Cipó R$ 388.277,48; Cícero Dantas R$ 549.432,53; Heliópolis R$ 359.773,77; Nova Soure R$ 579.349,91; Olindina R$ 603.213,55; Itapicuru R$ 549.743,58; Inhambupe R$ 771.425,86; Tucano R$ 786.215,10; Euclides da Cunha R$ 1.066.285,78; Quijingue R$ 301.300,79; o INSS descontou mais de R$ 200 mil; Adustina R$ 378.338,21; o INSS descontou mais de R$ 130 mil; Novo Triunfo R$ 353.266,45; Fátima R$ 432.340,36; Paripiranga R$ 593.180,78; Jeremoabo R$ 580.392,01; Sítio do Quinto R$ 253.365,59; Pedro Alexandre R$ 220.688,15; o INSS descontou mais de R$ 179 mil; Coronel João Sá R$ 533.670,11; Glória R$ 417.916,97; Santa Brígida R$ 443.818,75; Paulo Afonso R$ 1.224.964,28. Site do Banco do Brasil.




ARILDO LEONE

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA