Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

ROERAM A CORDA: CBF muda posição e não pretende autorizar disputa da Sul-Minas-Rio


A CBF voltou atrás e não pretende mais autorizar a realização da Liga Sul-Minas-Rio em 2016. Embora o secretário-geral da entidade, Walter Feldman, já tenha se pronunciado no sentido da realização do torneio, integrantes da liga já foram avisados da mudança de posição da entidade. O vice-presidente da CBF, Delfim Peixoto, consultado pelo blog, informou que uma nova reunião da liga está marcada para a próxima sexta-feira, em Belo Horizonte, e postura dos clubes é de realizar a competição de qualquer maneira. Na sexta-feira, o presidente da Federação de Futebol do Rio (Ferj), Rubens Lopes, enviou ofício ao presidente da CBF, Marco Polo del Nero, cobrando um posicionamento claro sobre a questão e avisando que, ao autorizar a liga, na sua análise, a CBF estaria descumprindo o seu próprio estatuto.

- Já me avisaram de que houve isso, e será feito de qualquer jeito. Vamos fazer sem CBF, não há problema. Se eles querem assim, vai ser assim. Provavelmente é o que será decidido na reunião que já estava marcada para a próxima sexta-feira em Belo Horizonte. Vamos tomar todas as posições que temos de tomar. Roeram a corda, não há nem dúvida que roeram a corda - comentou Delfim.

Após a publicação deste post, o blog conseguiu contato com o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, que explicou os motivos da decisão da entidade. Alegou impasse em relação a direitos dos jogadores e à necessidade de aprovação em Assembleia Geral. Há uma preocupação também em relação à tabela, por conta de possível conflito de datas com a Libertadores e datas Fifa, reservadas para partidas das seleções.

Nenhum comentário:

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA