Seguidores Vip

SEGUIDORES VIP

Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Ronda tenta manter invencibilidade em semana histórica para o MMA feminino

Por Direto de Los Angeles


O UFC desembarca neste sábado em Los Angeles, terra das celebridades, com uma de suas maiores estrelas liderando o card principal. Invicta há 10 lutas e dona de um dos jogos de chão mais temidos do esporte, Ronda Rousey entrou para a história do MMA ao se tornar a primeira mulher a assinar com o Ultimate, em 2012. Dois anos depois de sua estreia no evento, ela continua reinando absoluta à frente da divisão peso-galo. E os números são de impressionar: se somarmos todos os duelos de sua carreira profissional no esporte, "Rowdy" permaneceu no octógono por 24m48s, tempo menor do que o de uma luta inteira de cinco rounds.
Ronda Rousey e Cat Zingano, Pesagem UFC 184 (Foto: Evelyn Rodrigues)Ronda Rousey e Cat Zingano fazem a luta principal do UFC 184 (Foto: Evelyn Rodrigues)


Apesar de garantir que continua a mesma de sempre, a campeã volta ao tatame com algumas diferenças. Uma delas é a sua evolução na trocação, a segunda é o tratamento de estrela de Hollywood que vem recebendo por parte de toda a imprensa especializada em cobrir celebridades no mundo. Durante toda a semana, “Rowdy” causou furor por onde passou, sempre acompanhada de uma equipe de maquiadores e cabeleireiros, além de vestir roupas das principais grifes mundiais. Não que ela trate tudo isso de forma natural. Às vezes, Ronda ainda demonstra algum desconforto com toda essa atenção, mas hoje ela sabe que a sua imagem vale muito:

- Esse é o card das meninas, então eu tenho que cuidar dessa parte da aparência. Não que eu realmente me importe com isso, por exemplo, agora acabei de treinar e eles quiseram passar uma base no meu rosto antes de eu dar entrevista. Mas posso garantir que continuo do mesmo jeito. Eles não fizeram nada demais, mas entendo que é importante. Antes tínhamos uma maquiadora que cuidava de todas as garotas, mas agora ela tem muito trabalho, então passei a trazer meus amigos para me ajudarem nessa parte. Eles dizem que é preciso e eu aceito - disse, logo depois dos treinos abertos do evento.

Quando pisar no octógono na noite deste sábado, Rousey sabe que está arriscando tudo o que conquistou até agora. Mas engana-se quem pensa que é esse status que a motiva a continuar se superando a cada luta.

- Eu perdi a medalha de ouro nas Olimpíadas e sempre vou ter essa insatisfação em mim. Cada vez que eu vou lá defender o meu cinturão do UFC, é como se eu tivesse uma chance de me redimir comigo mesma por não ter conquistado aquela medalha de ouro para os Estados Unidos - revelou nesta sexta-feira, em entrevista ao SporTV logo após a pesagem do evento.

Se, por um lado, Ronda continua favorita a se manter com o título, por outro ela terá pela frente a adversária mais completa que já enfrentou. Invicta na carreira com nove vitórias, Zingano também tem a seu favor a persistência em superar adversidades dentro e fora do octógono. Em 2013, após conquistar a chance de ser treinadora do "The Ultimate Fighter” nos EUA, ao lado de Rousey, Cat teve que abdicar da oportunidade devido a lesões nos dois joelhos. Já no início do ano passado, ela sofreu uma tragédia pessoal com o suicídio do marido, o brasileiro Maurício Zingano. Oito meses depois, a lutadora voltou ao octógono e dominou a brasileira Amanda Nunes, para conquistar novamente a sua chance ao título da divisão.

- Não sei o que eu tenho, mas sou diferente das outras adversárias da Ronda. Sinto que sou muito forte mentalmente e fisicamente. Tenho muitas técnicas, com as quais me arrisco muito e faço com que elas funcionem a meu favor. Quando eu treino para uma luta, treino como se estivesse praticando um esporte, mas quando estou lá dentro lutando, eu entro em uma briga. A preparação também envolve tudo aquilo que você não pode desenvolver nos treinos quando aquela porta do octógono se fecha - declarou a desafiante no início da semana.

Na co-luta principal do evento deste sábado, a ex-campeã mundial de boxe, Holly Holm, faz a sua estreia no Ultimate contra a ex-TUF 18, Raquel Pennington. Companheira de treinos de Jon Jones, Holm chega ao Ultimate com um cartel perfeito de sete lutas e sete triunfos no MMA, sendo apontada por muitos como uma das que pode acabar com o reinado de Rousey na divisão. A ex-boxeadora, no entanto, terá que passar por uma atleta experiente e conhecida por ter um bom queixo e um jogo completo em todas as áreas.
Holly Holm X Raquel Pennington, Pesagem UFC 184 (Foto: Evelyn Rodrigues)Raquel Pennington vai tentar estragar a festa de Holly Holm na estreia da ex-boxeadora no UFC (Foto: Evelyn Rodrigues)


 - Eu acho que estou em uma situação que não posso ganhar (risos). Acho que as expectativas são tão altas que, como você faz para superá-las? É igual a quando você vai assistir a um filme que todo mundo está comentando e pensa: "Ah, não é assim tão bom." Se você vai ver um filme que ninguém está comentando, você não tem uma expectativa tão alta ou uma percepção de como ele deveria ser. Essa é, provavelmente, a coisa mais difícil de lidar. Estou focada em fazer a minha luta sem sentir que tenho que fazer essas coisas fora da minha zona de conforto. Eu quero ir lá e fazer o que eu sempre faço, que é ter uma boa performance, seguir meu plano de jogo e, se as pessoas gostarem, muito bem, se não gostarem, eu estou ali para lutar, não importa o que aconteça - afirmou Holm durante o treino aberto do evento.

Além dos destaques femininos, o UFC ainda terá quatro representantes brasileiros no evento deste sábado. Com 24 lutas pela organização, Gleison Tibau enfrenta o americano Tony Ferguson na abertura do card principal e buscando se aproximar ainda mais do recorde de Tito Ortiz, que é o atleta com mais lutas pelo Ultimate, com 27. Já Roan Jucão faz a sua reestreia na companhia no card preliminar, depois de quase sete anos lutando em campeonatos menores. Sem perder há cinco lutas, ele mede forças com o filipino Mark Muñoz, que vem de derrotas para Gerard Mousasi e Lyoto Machida em suas últimas aparições.
Tony Ferguson X Gleison Tibau, Pesagem UFC 184 (Foto: Evelyn Rodrigues)Tony Ferguson enfrenta Gleison Tibau na primeira luta do card principal (Foto: Evelyn Rodrigues)


Ainda pelo card preliminar, Dhiego Lima faz a sua terceira luta pela organização em busca de mais uma vitória em seu cartel, de 10 triunfos e duas derrotas. Ele terá pela frente Tim Means, que derrotou Marcio Lyoto e Hernani Perpétuo em suas últimas apresentações. O primeiro brasileiro a pisar no octógono, no entanto, será Valmir Lázaro “Bidu”, que tenta apagar a derrota para James Vick em sua estreia pela organização encarando James Krause no card preliminar.

O Canal Combate transmite o UFC 184 deste sábado, a partir das 21h (horário de Brasília) e oCombate.com acompanha tudo em Tempo Real, com transmissão da primeira luta ao vivo pelo site.
Confira o card completo:
UFC 184
28 de fevereiro, em Los Angeles (EUA)
CARD PRINCIPAL
Peso-galo: Ronda Rousey x Cat Zingano
Peso-galo: Holly Holm x Raquel Pennington
Peso-meio-médio: Josh Koscheck x Jake Ellenberger
Peso-médio: Alan Jouban x Richard Walsh
Peso-leve: Tony Ferguson x Gleison Tibau
CARD PRELIMINAR

Peso-médio: Mark Muñoz x Roan Jucão
Peso-galo: Kid Yamamoto x Roman Salazar
Peso-meio-médio: Dhiego Lima x Tim Means
Peso-pesado: Derrick Lewis x Ruan Potts
Peso-leve: James Krause x Valmir Lázaro
Peso-pena: Masio Fullen x Alexander Torres
Postar um comentário

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

FRAM MARQUES

Minha foto

MINHA PÁGINA:

MEU GRUPO: 

MEU SITE:

SIMPLES ASSIM...

HOJE APRENDI QUE VIVER É SER LIVRE, QUE TER AMIGOS É NECESSÁRIO, APRENDI QUE O TEMPO CURA, QUE LUTAR É MANTER-SE VIVO, QUE DECEPÇÃO NÃO MATA, QUE HOJE É REFLEXO DO ONTEM, QUE VERDADEIROS AMIGOS PERMANECEM QUE A DOR FORTALECE, QUE A BELEZA NÃO ESTA NO QUE TEMOS, MAS SIM NO QUE SENTIMOS! , E QUE O SEGREDO DA VIDA É VIVER,

LUTE, SONHE, PERDOE, CONQUISTE CADA SEGUNDO, POIS,
NA VIDA NÃO HÁ RETORNOS:
SÓ RECORDAÇÃO.

SE ALGUM DIA ALGUÉM LHE DISSER QUE SEU TRABALHO NÃO É DE UM PROFISSIONAL, LEMBRE-SE:
AMADORES CONSTRUÍRAM A ARCA DE NOÉ E PROFISSIONAIS CONSTRUÍRAM O TITANIC.
PORTANTO, ANTES DE RECLAMAR, LEMBRE-SE, NÃO SOU PERFEITO, MAS PROCURO A PERFEIÇÃO.




FRAM MARQUES

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA