Gilvan Maq-Peças

Gilvan Maq-Peças
Tobias Barreto - Sergipe

TOCA DO ÍNDIO

TOCA DO ÍNDIO
DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Adilson critica atuação do Vasco: Vasco empata demais. E isso já preocupa na perseguição ao G4 da Série B


Grande favorito ao título da Série B do Campeonato Brasileiro em 2014, o Vasco tem esbarrado no grande número de empates em seus 12 primeiros jogos pela competição e ainda ocupa um modesto 10º lugar na tabela. Ao todo, o time empatou 58% de seus compromissos iniciais (7 de 12). E isso já preocupa o técnico Adilson Batista na busca pela vaga na primeira divisão do ano que vem.
O último dos empates da equipe na competição aconteceu no sábado (26), em um 0 a 0 com a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, em Campinas-SP, pela 13ª rodada. Mesmo com uma partida adiada, o desempenho preocupa: o Cruzmaltino está a quatro pontos do quarto colocado Avaí, algo que já acendeu o alerta em São Januário.
Junto do Santa Cruz, atual 13º lugar, o Vasco é o time que mais empatou na Série B do Campeonato Brasileiro mesmo com uma partida a menos. Nas duas últimas rodadas, a equipe acumulou duas igualdades com Ponte Preta e América-RN, e desperdiçou oportunidades importantes de se aproximar do pelotão da frente.
"A turma está se distanciando, o que não é a nossa intenção. Não é pretexto, mas nos primeiros jogos tivemos dificuldades com mando de campo, jogos com portões fechado, tivemos lesões, depois tivemos a chegada de alguns jogadores, mudamos a maneira de o time jogar...", lembrou Adilson Batista.
Assim como seus comandados, o treinador lamentou mais o empate por 1 a 1 com o América-RN em São Januário, no dia 19. Na ocasião, o Cruzmaltino chegou a sair na frente e dava a impressão de que aumentaria, mas cedeu a igualdade após uma trapalhada da zaga e não conseguiu reagir em busca da vitória.
"São coisas que acontecem e não é desculpa que estou dando, mas tenho que administrar esse tipo de situação. Contra o América-RN, ganhávamos o jogo, levamos o gol de empate, e o Fernando Henrique fez ótimas defesa. Era um jogo que estava seguro e controlado [antes do empate]", disse Adilson, em tome de lamentação.
Como comparação, o Vasco empatou apenas 28% de seus jogos no último Campeonato Brasileiro, quando foi rebaixado, bem menos que os atuais 58%. A diferença é que a atual campanha tem só uma derrota em 12 partidas (8%), contra 16 em 38 (42%) de 2013. 

Nenhum comentário:

NA ESTRADA DA VIDA

Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

AS MAIS COMPARTILHADAS NA REDE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA